<
>

UFC 259: Promessa sérvia estreia dando surra histórica com um golpe a cada 2 segundos em americano

Mais uma promessa do Leste Europeu começa a assombrar o UFC. O sérvio Uros Medic fez a sua estreia no octógono mais famoso do mundo neste sábado e acabou dando uma surra história no seu rival, o norte-americano Aalon Cruz. O nocaute veio logo com um minuto e 40 segundos ainda no primeiro round.

E a vitória só não foi mais rápida porque o juiz Mark Smith não quis.

Medic balançou e derrubou o rival com pouco mais de 30 segundos de luta em uma sequência incrível de cruzado de esquerda, joelhada voadora e mais dois cruzados com a canhota. Cruz tentou se defender no chão, mas o massacre foi enorme.

No total, foram 48 golpes acertados por Medic em apenas 100 segundos de combate – uma incrível média de um golpe a cada 2 segundos.

Por sua vez, Cruz não conseguiu acertar um golpe sequer.

Medic tem apenas 27 anos e 7 vitórias em 7 lutas como profissional no MMA, todas elas por nocaute (5) ou finalização (2). Seis dos triunfos vieram ainda no primeiro round.

O sérvio fez cinco combates no Alaska Figthing Championship e ganhou a chance no UFC após um nocaute já avassalador no Dana White Contender Series.

Veja todos os resultados do UFC 259:

CARD PRINCIPAL

Jan Blachowicz (POL) venceu Israel Adesanya (NZL) na decisão unânime dos jurados (49-46, 49-45, 49-45) – cinturão dos meio-pesados)
Amanda Nunes (BRA) finalizou Megan Anderson (AUS) com uma chave de braço aos 2:03 do 1º round – cinturão feminino dos penas
Aljamain Sterling (EUA) venceu Petr Yan (RUS) por desclassificação devido a uma joelhada ilegal – cinturão dos galos
Islam Makhachev (RUS) finalizou Drew Dober (EUA) com um triângulo de mão a 1:37 do 3º round – leves
Aleksandar Rakic (AUT) venceu Thiago Marreta (BRA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 30-27) – meio-pesados

CARD PRELIMINAR

Dominick Cruz (EUA) venceu Casey Kenney (EUA) na decisão dividida dos jurados (28-29, 29-28 e 30-27) – galos
Kyler Phillips (EUA) venceu Song Yadong (CHN) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) – galos
Askar Askarov (RUS) venceu Joseph Benavidez (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-26) – moscas
Kai Kara-France (NZL) nocauteou Rogério Bontorim (BRA) aos 4:55 do 1º round – moscas
Timothy Elliott (EUA) venceu Jordan Espinosa (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-25) – moscas
Kennedy Nzechukwu (NIG) nocauteou Carlos Ulberg (NZL) aos 3:19 do 2º round – meio-pesados
Sean Brady (EUA) finalizou Jake Matthews (AUS) com um katagatame aos 3:28 do 3º round – meio-médios
Amanda Lemos (BRA) nocauteou Livinha Souza (BRA) aos 3:39 do 1º round – palhas feminino
Uros Medic (SER) nocauteou Aalon Cruz (EUA) a 1:40 do 1º round – leves
Trevin Jones (GUM) nocauteou Mario Bautista (EUA) a 0:47 do 2º round – galos