<
>

UFC 257: Americana finaliza vice-campeã olímpica, diz para Amanda Nunes parar de fugir e ouve resposta dura

play
McGregor precisa de muletas para andar após ser destruído e nocauteado por Poirier (0:15)

Twitter: @MoynihanCharles | Conor McGregor teve que usar muletas para conseguir chegar na coletiva (0:15)

Amanda Nunes ganhou um desafio um tanto inesperado no UFC 257, mas não demorou para responder forte. A americana Julianna Peña finalizou a vice-campeã olímpica Sarah McMann e se empolgou:

“Amanda Nunes, eu quero lutar com você. Ninguém teve uma caminhada mais dura no UFC do que eu. Está na hora de ela parar de fugir e lutar comigo”, disse ainda no octógono.

A resposta forte veio pelas redes sociais, minutos depois.

“Fugir? Você sequer conseguiu se transformar em uma desafiante para mim”, postou a brasileira.

E Amanda tem razão no que diz. Ex-TUF, Julianna sempre foi vista como uma das principais desafiantes para a brasileira, mas nunca conseguiu chegar lá.

Nas últimas três lutas, havia perdido para Valentina Schevchenko, vencido Nicco Montaño e perdido para Germaine de Randamie.

Para piorar a situação, as duas que venceram Peña já foram derrotadas por Amanda. E as duas derrotas vieram em momentos que ela realmente poderia ter conseguido uma chance de combate pelo título.

Neste sábado, porém, Julianna realmente teve uma grande atuação. Diante de McMann, que foi medalhista de prata no wrestling na Olimpíada de 2004, ela dominou o tempo todo e finalizou com um mata-leão no fim do terceiro round.

Na carreira, Peña tem um cartel de 10 triunfos e quatro derrotas.

Veja todos os resultados do UFC 257:

CARD PRINCIPAL

Dustin Poirier (EUA) nocauteou Conor McGregor (IRL) 2:32 do 2º round – leves
Michael Chandler (EUA) nocauteou Dan Hooker (NZL) aos 2:30 do 1º round – leves
Joanne Calderwood (ESC) venceu Jessica Eye (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 29-28) – moscas feminino
Makhmud Muradov (UZB) nocuateou Andrew Sanchez (EUA) aos 2:59 do 3º round – médios
Marina Rodriguez (BRA) nocauteou Amanda Ribas (BRA) a 0:54 do 2º round – palhas feminino

CARD PRELIMINAR

Arman Tsarukyan (RUS) venceu Matt Frevola (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-26) – peso casado
Brad Tavares (EUA) venceu Antônio Cara de Sapato (BRA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 29-28) – médios
Julianna Peña (EUA) finalizou Sara McMann (EUA) com um mata-leão aos 3:39 do 3º round – galos feminino
Marcin Prachnio (POL) venceu Khalil Rountree Jr. (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) – meio-pesados
Movsar Evloev (RUS) venceu Nik Lentz (EUA) na decisão dividida dos jurados (28-29, 29-28 e 29-28) – peso casado
Amir Albazi (SUE) venceu Zhalgas Zhumagulov (CAZ) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) – moscas