<
>

UFC 251: Inglês quebra a mandíbula, mas deixa rival desacordado e enlouquece Bisping

play
No UFC 251, José Aldo leva 62 golpes no rosto no 5º round, é massacrado e nocauteado; árbitro demorou a encerrar a luta? (0:52)

Brasileiro perdeu para o russo Petr Yan na madrugada de domingo em luta nos Emirados Árabes Unidos (0:52)

O UFC 251 na Ilha da Luta já começou com tudo! Na primeira luta da noite, uma virada daquelas! O inglês Davey Grant começou da pior forma possível e quebrou a mandíbula logo no primeiro round. Mas não quis saber! Continuou lutando e virou o combate com um nocaute daqueles, que deixou o rival Martin Day desacordado no chão e o comentarista e compatriota Michael Bisping enlouquecido na beira do octógono.

Grant sofreu no primeiro round. Quebrou a mandíbula em um chute direto no rosto que o levou a knockdown. Mas se recuperou na luta. No terceiro round, achou um daqueles socos que derruba o adversário na hora. Day já caiu apagado.

“Eu sabia que o Day tem bom chute, mas sabia que eu tinha que continuar indo para frente, sabia que era um adversário muito duro, mas eu consegui um belo nocaute. Valeu a pena (lutar com a mandíbula quebrada)”, disse Grant.

Logo no fim da luta, o inglês se aproximou das grades para conversar com Dana White. Foi lá que ele revelou pela primeira vez que quebrou a mandíbula. E aproveitou para pedir um dos bônus de US$ 50 mil (mais de R$ 265 mil).

"50! Eu quebrei a mandíbula no primeiro round! Esses 50 mudam a minha vida, Dana", disse.

O presidente do UFC só respondeu: "Vamos ver o que acontece!".

Veja todos os resultados do UFC 251

CARD PRINCIPAL

Kamaru Usman (NIG) venceu Jorge Masvidal (EUA) na decisão unânime dos jurados (50-45, 50-45 e 49-46) - pelo cinturão dos meio-médios
Alexander Volkanovski (AUS) venceu Max Holloway (EUA) na decisão dividida dos jurados (47-48, 48-47 e 48-47) - pelo cinturão dos penas
Petr Yan (RUS) nocauteou José Aldo (BRA) aos 3:24 do 5º round - pelo cinturão dos galos
Rose Namajunas (EUA) venceu Jéssica Bate-Estaca (BRA) na decisão divida dos jurados (29-28, 28-29 e 29-28) - palha feminino
Amanda Ribas (BRA) finalizou Paige VanZant (EUA) com uma chave de braço aos 2:21 do 1º round - moscas feminino

CARD PRELIMINAR

Jiri Prochazka (TCH) nocauteou Volkan Oezdemir (SUI) a 0:49 do 2º round - meio-pesados
Muslim Salikhov (RUS) venceu Elizeu Capoeira (BRA) na decisão dividida dos jurados (30-27, 28-29 e 29-28) - meio-médios
Makwan Amirkhani (FIN) finalizou Danny Henry (ESC) com um triângulo de mão aos 3:15 do 1º round - penas

Léo Santos (BRA) venceu Roman Bogatov (RUS) na decisão unânime dos jurados (29-26, 29-26 e 29-26) - leves
Marcin Tybura (POL) venceu Maxim Grishin (RUS) na decisão unânime dos jurados (30-37, 30-27 e 30-26) - pesados
Raulian Paiva* (BRA) venceu Zhalgas Zhumagulov (CAZ) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) - moscas
Karol Rosa (BRA) venceu Vanessa Melo* (BRA) na decisão unânime dos jurados (30-26, 30-26 e 30-27) - galos

Davey Grant (ING) nocauteou Martin Day (EUA) aos 2:38 do 3º round - galos

* Lutadores que não bateram o peso