<
>

Copa do Brasil: Atlético-GO segura empate contra o Corinthians, faz valer vitória na ida e avança às oitavas

O Atlético-GO está nas oitavas de final da Copa do Brasil. Nesta quarta (9), no Atônio Accioly, o Dragão segurou a pressão do Corinthians, garantiu o 0 a 0, após a vitória por 2 a 0 na ida, e avançou.

Para a partida, o técnico Eduardo Barroca manteve a mesma equipe que conseguiu a vantagem na Neo Química Arena.

Já Sylvinho fez mudanças. Fagner, expulso na partida de ida, deu lugar a Bruno Méndez. Já Raul, Camacho, Ramiro e Mateus Vital foram para o banco e João Victor, Roni, Cantillo e Gabriel entraram.

Com três volantes, o Corinthians até chegou a dominar o meio-campo, tendo mais o controle do jogo. Mas, quando criou perigo, Fernando Miguel apareceu bem. Enquanto isso, o Atlético-GO explorava os contra-ataques e jogava com o 'regulamento embaixo do braço'.

No fim, o 0 a 0 garantiu o Dragão nas oitavas de final do torneio.

Situação do campeonato

Com o resultado, o Atlético-GO avança às oitavas de final da Copa do Brasil e embolsa R$ 2,7 milhões.

O cara: Fernando Miguel

Mesmo sem ser brilhante, como foi pelo Brasileirão contra o Timão na 1ª rodada, o goleiro apareceu bem quando exigido e impediu que o clube paulista se mantivesse vivo pela vaga.

Foi mal: Sylvinho

O treinador do Corinthians, novamente, optou por uma escalação sem um centroavante. No entanto, o Timão, mesmo tendo posse de bola e organizado em campo, optava por cruzar bolas na área.

Centroavante de ofício, Jô só entrou aos 23 da etapa final.

Próximos jogos

O Atlético-GO, agora, só volta a campo no dia 17 de junho, pelo Campeonato Brasileiro, para encarar o Fortaleza, às 19h, no Estádio Antônio Accioly. Já o Corinthians terá o clássico contra o Palmeiras, no sábado (12), às 19h, no Allianz Parque.

Ficha técnica

Atlético-GO 0 x 0 Corinthians

GOLS: a partida não teve gols.

ATLÉTICO-GO: Fernando Miguel; Dudu, Nathan Silva, Eder e Igor Cariús (Arthur Gomes) (Arnaldo); Willian Maranhão, Marlon Freitas, João Paulo (Oliveira); Ronald (Pablo Dyego), Natanael e Zé Roberto (Lucão). Técnico: Eduardo Barroca.

CORINTHIANS: Cássio; Bruno Méndez, Gil, João Victor (Ramiro) e Lucas Piton; Roni, Cantillo, Gabriel (Jô) e e Araos (Mateus Vital); Luan (Adson) e Gustavo Mosquito (Léo Natel). Técnico: Sylvinho.