<
>

NFL: Quem são os 10 melhores quarterbacks da temporada 2020?

play
Enganou até a câmera: conheça a nova 'invenção' de Patrick Mahomes (0:05)

O astro do Kansas City Chiefs continua dando o que falar (0:05)

Para projetar a temporada 2020 da NFL, pedimos a mais de 50 executivos, treinadores, olheiros e jogadores da liga que nos ajudassem a montar um top-10 jogadores de 11 posições diferentes (desculpe, special teams). Os resultados podem te surpreender. Eles me surpreenderam.

Funcionou assim: os eleitores escolheram de 10 a 15 jogadores em uma posição específica e, em seguida, juntamos os resultados e classificamos os candidatos com base no número de votos top-10, média, entrevistas e pesquisas.

O objetivo é identificar os melhores jogadores do momento. Não estamos projetando o futuro. Quem é o melhor hoje? Bem simples.


O top-10 dos QBs deste ano conta com algumas surpresas, alguns legados já consolidados, o debate “Dak x Wentz” finalmente decidido e uma decisão incrivelmente difícil na décima posição.

1. Patrick Mahomes | Kansas City Chiefs

Idade: 24 | Maior ranking: 1 | Menor ranking: 4

Quase 30 pessoas foram entrevistadas, e todas, exceto uma, escolheram Mahomes em primeiro.

“O resto é resto”, disse um executivo da AFC. "Ele é o grande rosto da liga.”

Isso ficou evidente quando os Chiefs pagaram US$ 450 milhões por 10 anos para Mahomes, com um pacote total que pode impulsionar o contrato para 12 temporadas (ele ainda tinha dois anos no contrato de estreante) para incríveis US$ 503 milhões.

É fácil detalhar o domínio do Mahomes por meio de estatísticas:

  • Segundo jogador a vencer o Super Bowl e o MVP nas três primeiras temporadas;

  • Rating de 113,8 e 105,3 como titular em dois anos;

  • 304 jardas e 2,53 passes para touchdown por jogo;

  • Talento para completar passes de todas as posições imagináveis;

  • Lidera a NFL com 22 passes de touchdown de mais de 20 jardas e 17 passes de touchdown em movimento desde 2018.

Mas o maior impacto é a criação de grandes jogadas quando ele decide que é hora de vencer - como o passe de 44 jardas para Tyreek Hill, em uma terceira descida importante no Super Bowl.

"Converse com 31 coordenadores defensivos, todos diriam que não estão nada empolgados em enfrentar Mahomes", disse um técnico assistente da NFL. "Também está melhorando na leitura das defesas”. Os Chiefs elogiam suas habilidades como líder, também.

Uma ponderação, no entanto, é necessária.

"Nosso treinador entrou na sala de reuniões [antes de um jogo contra os Chiefs] e disse: 'Escutem, o jogo dele é tudo ou nada’", disse um jogador veterano da NFL. "Ele vai soltar o braço. Você viu no Super Bowl. Ele continua lançando. Então há chances de pegá-lo.”

play
1:05

Mahomes diz quantos títulos precisar ter para ser um dos maiores da NFL: 'O Brady tem seis...'

Quarterback dos Chiefs, que renovou contrato por mais 10 temporadas, conversou com a ESPN

2. Russell Wilson | Seattle Seahawks

Idade: 31 | Maior ranking: 1 | Menor ranking: 9

Wilson dominou a votação do segundo lugar, entrando em seu auge, ganhando força enquanto seus adversários ficam mais velhos. Ele está saindo de uma de suas temporadas mais eficientes, com uma relação touchdown-interceptação de 6,2, melhor marca entre os QBs que ficaram no top-10 em jardas lançadas.

Ele foi o único QB da NFL ficar entre os primeiros em QBR dentro do pocket (5°, 67,9) e fora dele (4°, 82,8).

"Ele pode fazer de tudo: ficar no pocket, prolongar as jogadas e te vencer no movimento”, disse um técnico veterano. "Quanto maior é o palco, melhor ele joga."

Wilson está empatado com o Mahomes com 17 touchdowns desde 2018, apesar de ter um elenco de apoio menor, e isso é impressionante.

"Ele nunca teve um recebedor entre os 10 melhores, seus tight ends são razoáveis, a linha ofensiva não é ótima, e ele continua jogando bem sempre", disse um executivo da NFC.

3. Aaron Rodgers | Green Bay Packers

Idade: 36 | Maior ranking: 2 | Menor ranking: 7

O que impressiona na decisão dos Packers de draftar Jordan Love é que Rodgers não é um cara qualquer. Ele foi o número 3 nesta lista por uma boa margem, e os eleitores juram que não se basearam em sua reputação.

"Quando ele está mais ou menos, ainda está na primeira prateleira, sem dúvida", disse um coordenador da NFL. "As coisas que ele pode fazer, talvez tirando Mahomes, ninguém mais faz. Ele perdeu um pouco de força física. Mas quando ele consegue se movimentar e fazer os passes, minha nossa, ele é assustador.”

Os números de Rodgers dos últimos anos são apenas razoáveis. Os Packers jogaram muito mal em alguns momentos de 2019. Um jogador que costumava ter mais de 100 de rating caiu para 95,4 na última temporada.

Mas muitos acreditam que Rodgers será muito melhor no segundo ano do sistema de Matt LaFleur - e esperam uma grande resposta após Love ser draftado. Rodgers era Mahomes antes de Mahomes ser Mahomes. Ele ainda pode fazer basicamente qualquer coisa em campo.

Um proeminente treinador defensivo da NFL lembrou de Rodgers tentando brincar com ele entre cada snap, olhando para longe da linha de scrimmage e dizendo: "Faça a chamada", sabendo que ele tem a resposta perfeita para qualquer coisa que a defesa fizer. Chame isso de arrogância justificada.

"Uma vez que nosso safety foi atrás do RB, Rodgers percebeu o que estava acontecendo e nos puniu pelo resto da partida”, disse um jogador de secundária veterano da NFL. “Ele percebe boas situações ofensivas melhor do que qualquer outro.”

play
0:23

Futuros colegas na NFL? Antonio Brown treina na casa de Russell Wilson e recebe passes do astro dos Seahawks

Antonio Brown não tem time desde que foi dispensado pelos Raiders em 2019

4. Deshaun Watson | Houston Texans

Idade: 24 | Maior ranking: 3 | Menor ranking: 2

Watson e Drew Brees disputaram, de maneira acirrada, a quarta posição. Watson teve a vantagem por sua capacidade de prolongar as jogadas e criar cenários diferentes com as pernas.

"Aquele jogo de playoff contra Buffalo - eles venceram por causa desse cara. Ninguém mais", disse um técnico veterano. "Eles tiveram pelo menos três chances de derrubá-lo no fim e ele fez grandes jogadas.”

Isso é comum, dada a consistência de Watson no fim das partidas. O QB dos Texans tem 10 campanhas vencedoras desde 2018, a melhor marca da NFL no período.

Um executivo da NFC diz que Watson não é fácil de avaliar, porque seu conjunto de habilidades não é esmagador e ele não é um verdadeiro passador de pocket, mas ele apenas "faz as coisas acontecerem”.

Scouts veem algumas semelhanças com Russell Wilson, com um pouco menos de instinto e força nas pernas. Ele reduziu seus sacks de 62 para 44 em 2019 e terminou em sexto na porcentagem de conclusão de passes (67,3%).

"Deshaun precisa de um pouco mais de estrutura", disse um coordenador. "Ele não é tão dinâmico quanto Russell ou Kyler [Murray] nesse aspecto. Ele joga muito no improviso. Não vejo muito treino."

5. Drew Brees | New Orleans Saints

Idade: 41 | Maior ranking: 2 | Menor ranking: 11

É aqui que a situação dos QBs fica complicada. Brees teve muitos votos entre os três primeiros porque seu conhecimento do jogo é impressionante e ele está trabalhando com Sean Payton, um verdadeiro guru. Ele acabou de ter o melhor rating de sua carreira (116,3) e consegue completar 70% de seus passes sem se esforçar.

Mas mais do que apenas algumas pessoas notaram quando Taysom Hill teve que entrar em um jogo apenas para fazer um passe longo. Mesmo assim, Brees foi o oitavo em jardas aéreas por tentativa (8,8).

"O sistema em que ele se encontra é tão feito para ele que eu não sinto como se ele tivesse piorado", disse um olheiro da AFC. "Eu ficaria mais preocupado com Brees do que Brady se eu fosse um coordenador defensivo."

É tudo sobre antecipação e inteligência nesta altura e, se a bola está fora das suas mãos em dois segundos ou menos, a força do braço pode ser minimizada.

Muitos esperam que Brees esteja fora desta lista no próximo ano, graças à aposentadoria. "Acho que é isso, então todos devemos aproveitar", disse um veterano da NFL. "Ele tem as armas ao seu redor para ganhar outro título.”

play
0:57

Kyler Murray cita 'falta de respeito' após rating de game: 'Alguém no escritório do Madden está tentando me atrapalhar'

Quarterback dos Cardinal não gostou nada de ter o overall 77 do game da NFL

6. Lamar Jackson | Baltimore Ravens

Idade: 23 | Maior ranking: 2 | Menor ranking: 12

O vasto leque de pessoas que votaram em Jackson surpreende um jogador que vem sendo criticado e rotulado desde os dias de Louisville.

"Eu preciso mantê-lo bem nesta lista - o garoto jogou demais no ano passado", disse um executivo da AFC. "Espero que ele continue assim.”

Alguns têm dificuldades em colocar Jackson muito alto na lista, apesar de ele ter sido o segundo jogador com melhor QBR (77,5) dentro do pocke, e ter lançado 11 touchdowns sob pressão. Eles acreditam que o ataque dos Ravens construído em torno de seu conjunto de habilidades mascara um bom jogador, mas não ótimo.

"Ele é quem ele é - sempre uma ameaça, mas à medida que mais equipes entendem o ataque de Baltimore, elas não serão pegas de surpresa mais", disse um executivo da AFC. "Ele eventualmente faz jogadas com o braço, mas não é um cara que você confia totalmente ainda para vencer o jogo apenas assim.”

Um executivo da NFC diz que o argumento "entender o ataque de Baltimore" é engraçado - até Lamar Jackson te atropelar. Vários técnicos admitiram que Jackson simplesmente os fez parecer "estúpidos" na última temporada.

"As defesas pensaram que estavam prontas para ele no ano passado e ele acabou com todas", disse o executivo da AFC. "Ele está fazendo coisas em um nível que ninguém nunca viu. Os Ravens fazem um trabalho tão bom com ele, e ele ainda é um atleta melhor do que 99% da liga."

7. Tom Brady | Tampa Bay Buccaneers

Idade: 42 | Maior ranking: 1 | Menor ranking: 12

Uma questão séria discutida sobre Tom Brady: seu braço ainda consegue vencer partidas por 16 semanas?

“Eu não estava preparado para aquilo que vi no ano passado”, disse um executivo da NFC. “É tudo sobre antecipação e leitura pré-snap agora.”

Um quarterback veterano da NFL disse: "Se ele ainda estivesse em New England, não tenho certeza se o colocaria na lista. Votei nele porque ele está em Tampa e tem boas armas. Ele joga em um ritmo tão acelerado que, com armas ao seu redor, ainda pode funcionar.”

Brady teve apenas um jogo de 300 jardas após a Semana 6 na última temporada, provocando especulações sobre se a saída de New England não havia sido unilateral. Mas sua magia pré-snap ainda é boa o suficiente para que o fim de sua carreira seja como o de Peyton Manning.

"Tampa vai ser muito bom", disse um coordenador da NFL. "Boa defesa, mais armas do que Brady já teve - muito parecido com quando Peyton foi para Denver."

play
0:18

Repórter da ESPN solta palavrão no ar e tem reação impagável ao ficar sabendo de novo contrato de Mahomes

Mina Kimes leu ao vivo o acordo entre o quarterback e o Kansas City Chiefs

8. Carson Wentz | Philadelphia Eagles

Idade: 28 | Maior ranking: 2 | Menor ranking: 14

Nós pensávamos que a disputa entre Carson Wentz e Dak Prescott seria apertada, mas nem foi tanto assim, com Wentz conseguindo uma vantagem de quase um ponto inteiro sobre Prescott. No entanto, Wentz ainda não conquistou todos ao redor da liga. Alguns deixaram o QB dos Eagles fora do top-10 por conta de suas lesões.

"É um grande criador de jogadas - nenhuma jogada está morta para ele", disse um técnico da NFL.

Um coordenador da NFL acrescentou: "É difícil argumentar que ele não está entre os 10 melhores. Você só gostaria que ele tivesse uma temporada completa. Se ele vencer o Super Bowl com Philly, estaria no top-5 de maneira consensual, porque é um dos cinco mais talentosos com certeza."

Wentz é elite fora do pocket, onde teve um QBR 87,4 com 7,5 jardas por tentativa e quatro touchdowns, terceira melhor marca de toda a liga.

Há muita coisa acontecendo com Wentz, que assistiu Nick Foles ganhar o Super Bowl e se esforçou para se relacionar com alguns colegas de equipe. Ele é um cara legal que provavelmente se isolou demais em seu círculo interno, mas está melhorando nessa área.

Ele superou a marca de 64% de aproveitamento uma vez em quatro temporadas, o que não é o ideal. Mas vencer quatro jogos consecutivos para levar seu time aos playoffs da temporada passada, com jogadores do practice squad, lhe rendeu credibilidade.

“Ele tem o que é preciso para carregar uma equipe”, disse um assistente da NFL. “Nem todos os caras podem dizer isso.”

9. Dak Prescott | Dallas Cowboys

Idade: 26 | Maior ranking: 4 | Menor ranking: 13

Prescott tem muitas boas qualidades. Com média de 10 vitórias por temporada, ele nunca perdeu um jogo por conta de lesão, superou a marca das 5.000 jardas na última temporada e, segundo um coordenador da NFL, tem um trabalho de pés incrível no pocket.

Tudo isso rendeu a Prescott alguns votos dentro do top-5, mas ele esteve mais entre as posições 7 e 12, com os avaliadores citando sua inconsistência nos passes difíceis como um problema.

"Ele certamente não é o top-5", disse um executivo da AFC. "Sua ótima temporada de estreia preparou o palco para ele atingir outro nível que ele nunca conseguiu. O padrão ficou alto e eu não sei se ele poderá alcançá-lo. Ele não joga tão bem desde 2016.”

Os números dizem que Prescott merece consideração mais séria. Ele esteve entre os oito primeiros em QBR enquanto estava dentro do pocket (67,7), fora do pocket (78,3) e sob pressão (25,7). Ele também teve a segunda melhor marca da NFL em passes longos.

"A evolução dele é ótima", afirmou um técnico assistente da AFC. "As pessoas disseram que, chegando na liga, ele não era o passador mais talentoso, mas ele realmente cresceu nesse aspecto. Ele é um cara de pocket agora com a capacidade fazer jogadas com as pernas caso seja preciso. Muitos QBs não conseguem fazer isso.”

Muitos citam o ataque carregado dos Cowboys como uma comparação para os QBs de times mais fracos: imagine o que o “Jogador X” faria nesse ataque. Prescott se saiu muito bem com isso. Mas, de maneira justa ou não, uma vitória nos playoffs em quatro anos não é suficiente para muitos.

play
0:15

Novo bilionário da NFL, Mahomes já impressionou até jogando basquete: 'crossover', giro veloz e bandeja

Quarterback do Kansas City Chiefs assinou contrato na última segunda-feira que pode chegar a R$ 2,7 bilhões

10. Matthew Stafford | Detroit Lions

Idade: 32 | Maior ranking: 4 | Menor ranking: 14

Talvez a disputa mais acirrada tenha sido Stafford contra Matt Ryan pela 10ª posição. Ryan teve mais votos de top-10, mas a média geral de Stafford foi melhor. A expansão da votação para apenas Ryan x Stafford também deu a Stafford a vantagem. Ele assusta mais as equipes adversárias do que o ex-MVP.

"É a síndrome de Stafford - ele joga em Detroit, então não está em posição de maximizar sua capacidade", disse um executivo da NFC. "Ele é um grande talento que provavelmente seria um QB top-5 se estivesse em outra franquia.”

Quase todo mundo concorda que o braço de Stafford é um dos cinco melhores da liga. Ele estava no ritmo de quase 5.000 jardas e 38 touchdowns antes de uma lesão nas costas interromper sua temporada 2019.

Ele estava jogando de maneira fenomenal dentro do pocket, com 82,7 de QBR, 66% de aproveitamento nos passes, 8,8 jardas por tentativa, 17 touchdowns e só três interceptações.

A grande questão com Stafford é simples. “O que ele fez de importante?”, questionaram vários executivos, fazendo referência ao histórico de 0-3 de Stafford nos playoffs.

Também receberam votos

Matt Ryan | Atlanta Falcons: “Ele respondeu ao chamado com consistência e durabilidade. É um grande líder. O braço, provavelmente, está piorando um pouco”. – Olheiro da AFC

Ben Roethlisberger | Pittsburgh Steelers: A lesão no cotovelo que custou 14 partidas e precisou de cirurgia afetou a posição de Big Ben. “Sem as preocupações com sua saúde, ele estaria na lista, sem dúvidas. Ele ainda consegue jogar em nível altíssimo, mas não dá para saber como ele vai responder à lesão. Será que seu corpo já está pedindo as contas?” – Executivo da AFC

Kyler Murray | Arizona Cardinals: “Kyler pode receber o snap e ficar no pocket, mas também pode escapar da pressão e criar oportunidades para passar a bola. Isso é raro, e seu braço é muito bom”. – Executivo da NFC

Kirk Cousins | Minnesota Vikings: “Eu amo o Kirk. Ele se tornou um bom quarterback. Tem um braço melhor do que dizem por aí, e o sistema de Minnesota é perfeito para ele”. – Executivo da NFC

Jimmy Garoppolo | San Francisco 49ers: Ele é um passador de pocket nato com um grande toque na bola e seus companheiros de time o amam. Ele provavelmente tem um teto, mas é um bom quarterback”. – Técnico veterano da NFL

Derek Carr | Las Vegas Raiders: “Incrivelmente preciso, mas você se pergunta se ele é realmente isso”. – Técnico veterano da NFL, sobre Carr

Ryan Tannehill | Tennessee Titans: “Difícil escolher um cara que lançou a bola apenas 14 vezes durante uma partida de playoff, mas ele foi realmente muito bem no ano passado”. – Executivo da NFL, sobre Tannehill

Jared Goff | Los Angeles Rams: “Lança a bola muito bem, mas eu nunca tive a sensação de que os times têm medo dele”. – Coordenador da NFL, sobre Goff

Sam Darnold | New York Jets: “Se nós estamos projetando as coisas, acho que Darnold terá um grande ano. Ele, finalmente, terá uma linha ofensiva que irá protegê-lo”. – Executivo da AFC, sobre Darnold