<
>

LeBron relembra dia que conheceu 'Jesus Negro' Jordan: 'Duas pessoas que encontrei e mudaram minha vida, ele e minha esposa'

play
Aos 18 anos, LeBron conta como foi conhecer Michael Jordan: 'Melhor que o presidente' (0:12)

Ala mostrou empolgação ao se encontrar com a lenda do basquete (0:12)

Michael Jordan é, sem dúvidas, um ícone e uma inspiração para todos os jogadores de basquete ao redor do mundo. Com LeBron James não é diferente e o ala do Los Angeles Lakers coloca o ídolo do Chicago Bulls em um alto patamar: o mesmo de sua esposa.

Ao discutir o documentário The Last Dance, produzido pela ESPN e que conta a história dos seis títulos em oito anos dos Bulls, LeBron relembrou o dia que conheceu o 'Jesus Negro' em carne e osso.

"Você não tem ideia, cara. São duas pessoas que eu encontrei que mudaram minha vida. Minha esposa, com quem estou junto desde 2002, e quando conheci Michael em 2001. Na verdade, coloca o Jay-Z nessa lista também. Quando eu vi Michael Jordan pela primeira vez eu, literalmente, não conseguia acreditar que era ele. Não conseguia. Tipo, o cara era Jesus Cristo para mim. Ele era Jesus Negro para mim e ninguém pode me falar nada diferente", disse em podcast da Uninterrupted, produtora de filmes e documentários que James é dono.

"Eu estava em Chicago, Maverick (Carter, amigo de LeBron) e eu fomos para um rachão e antes da gente jogar, Michael sempre levantava peso. Então a gente subiu a escada, e ninguém tinha me avisado que Michael levantava peso antes de jogar, eu não fazia ideia disso, eu estava no high school, não entendia nada de musculação. Enfim, a gente sobe e a 1ª pessoa que eu vejo é Charles Oakley. Sendo de Cleveland, já tinha visto Oak diversas vezes pela cidade e tal. Quando ele se move, Mike está sentado no supino e eu fico 'c**...'. Eu nem achei que ele era real, achava que ele só vivia na televisão."

"Seja nos jogos, nos comerciais, nas fitas cassete. Não achei que ele era real. E quando eu o vi, eu só consiga pensar 'se o cara lá de cima me levar, eu vivi uma vida incrível'. Juro por Deus. Eu vi Mike", relatou.

play
1:44

LeBron se emociona ao relembrar primeira aposentadoria de 'inspiração' Jordan: 'Ele me dava um impulso de vida'

Jogador dos Lakers falou sobre como Michael era importante na sua vida, quando ainda era criança - Instagram @uninterrupted

LeBron também comentou que quando voltou para Cleveland e contou a história para seus amigos, todos acharam que era mentira.

"Quando eu cheguei em Akron, falei para meus amigos e eles sabiam que eu era louco pelo Mike e eles ficavam 'nah, não é possível, cara'. E eu falava 'mano, eu não só vi Mike como dividi uma quadra com ele'. Como eu disse, se o cara lá de cima me levasse, eu teria vivido uma vida incrível após ver Michael", comentou.

Por fim, James disse como foi a experiência de dividir quadra com seu "jogador favorito em todos os tempos".

"Estar em quadra junto com o cara que é meu jogador favorito de todos os tempos... eu tinha 16 anos, cara. Eu só pensava 'alguém me belisca porque isso não é real', não podia ser real", finalizou.