<
>

UFC 276: Adesanya diz o que espera de Poatan após UFC 276 e avisa: 'Vai ser o próximo brasileiro que eu vou matar'

Adesanya espera Poatan para confronto pelo cinturão e provoca mais uma vez o brasileiro na coletiva de imprensa após a luta no UFC 276


As provações entre Israel Adesanya e Alex Poatan seguem a todo vapor. Depois do nigeriano falar no octógono e o brasileiro responder na coletiva do UFC 276, agora Adesanya voltou a comentar sobre Poatan e o que ele espera da luta entre os dois, que deve ser a próxima defesa de cinturão de Israel no UFC.

“Eu espero que ele me menospreze depois do meu desempenho de hoje. Eu realmente espero que ele fique confiante. Ele sabe o que eu posso fazer com ele. Vamos ver! Ele vai ser o próximo brasileiro que eu vou matar”, comentou o campeão do peso-médio para a ESPN.

Apesar dos lutadores terem vencido no UFC 276, Adesanya e Poatan saem com a imagem um pouco diferente de Las Vegas. O brasileiro, que nocauteou Sean Strickland no primeiro round, recebeu o bônus de performance da noite e levantou o público. Já o lutador da Nigéria não fez uma grande luta e chegou a ser vaiado pelo público presente.

Perguntado sobre a luta do brasileiro em Las Vegas, Adesanya foi direto. “Eu vi a luta, foi uma boa luta. Mas Sean Strickland deveria focar em fazer o trabalho dele, como eu disse para ele fazer”.

Falta só a data e o lugar

Antes mesmo das lutas do UFC 276 acontecerem, Dana White já havia garantido que o vencedor do duelo entre Alex Poatan e Sean Strickland iria ser o próximo desafiante pelo cinturão do UFC. Com isso, o brasileiro terá a sua primeira chance de disputar o título da categoria, mesmo tendo apenas três lutas na organização.

Se em sua coletiva Poatan deixou claro que a luta contra Adesanya só precisava ser marcada pois ele já estava pronto para ela, o nigeriano também não ficou para trás e se posicionou sobre a provável luta. “Quando vamos lutar? Vamos ver! Eu vou enfrentar um cara que me venceu no kickboxing e ainda assim é ele quem está me perseguindo porque ele sabe que eu sou o rei. Vocês querem saber o que acontece quando eu fico com as costas na parede. Eu estou ansioso para lutar com ele”.

Veja todos os resultados do UFC 276:

CARD PRINCIPAL

Israel Adesanya (NIG) venceu Jared Cannonier (EUA) na decisão unânime dos jurados (49-46, 49-46 e 50-45) - Cinturão peso-médio
Alexander Volkanovski (AUS) venceu Max Holloway (EUA) na decisão unânime dos jurados (50-45, 50-45 e 50-45) - Cinturão peso-pena
Alex Poatan (BRA) nocauteou Sean Strickland (EUA) aos 2:36 do 1º round - Peso-médio
Bryan Barberena (EUA) nocauteou Robbie Lawler (EUA) aos 4:47 do 2º round - Peso meio-médio
Pedro Munhoz (BRA) x Sean O’Malley (EUA) terminou sem resultado (dedo no olho não intencional) - Peso-galo

CARD PRELIMINAR

Jalin Turner (EUA) finzalizou Brad Riddell (NZL) com uma guilhotina a 0:45 do 1º round - Peso-leve
Jim Miller (EUA) finalizou Donald Cerrone (EUA) com uma guilhotina a 1:32 do 2º round - Peso meio-médio
Ian Garry (IRL) venceu Gabe Green (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-27) - Peso meio-médio
Dricus Du Plessis (AFS) venceu Brad Tavares (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 29-28) - Peso-médio
André Sergipano (BRA) venceu Uriah Hall (JAM) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-27) - Peso-médio
Maycee Barber (EUA) venceu Jessica Eye (EUA) na decisão unânime dos jurados (29-28, 29-28 e 30-27) - Peso-mosca
Julija Stoliarenko (LIT) finalizou Jessica-Rose Clark (AUS) com uma chave de braço a 0:42 do 1º round - Peso-galo