<
>

Mundial: Palmeiras cai nos pênaltis para o Al-Ahly, termina em 4º e faz pior participação de um brasileiro

O Palmeiras perdeu por 3 a 2 nos pênaltis para o Al-Ahly, nesta quinta-feira, após empate por 0 a 0 no tempo normal, e acabou o Mundial de Clubes da Fifa na 4ª colocação.

Foi a pior participação de um clube brasileiro no torneio da entidade máxima do futebol. Antes, todas as equipes do país haviam terminado pelo menos em 3º.

Em campo, o Al-Ahly teve um ótimo início de 1º tempo, tocando bem a bola e empurrando o Palmeiras para seu campo de defesa.

Com a marcação adiantada, os egípcios forçavam constantes erros de saída de bola por parte do Alviverde, deixando o goleiro Weverton irritado.

O lance mais emblemático aconteceu aos 28: Felipe Melo falhou feio, El Soulia bateu cruzado e tirou tinta da trave, na melhor chance do jogo até ali.

O Verdão só conseguiu se arrumar em campo nos minutos finais, e até conseguiu criar duas boas chances.

Aos 39, Viña cruzou da esquerda, Rony desviou de cabeça e exigiu grande defesa do goleiro El Shenawi, que tirou com a ponta dos dedos.

No lance seguinte, Luiz Adriano subiu bem em cobrança de escanteio e testou firme, mas El Shenawi agarrou sem dar rebote.

No 2º tempo, o Palmeiras mudou de postura e melhorou bastante, passando a ter domínio territorial, mas sem criar grandes ameaças.

Nos contra-ataques, o Al-Ahly ameaçava: aos 21, El Soulia recebeu cruzamento da direita e acertou um lindo voleio, exigindo grande espalmada de Weverton.

O Alviverde só conseguiu responder bem aos 34, quando Patrick de Paula recebeu enfiada, invadiu a área e bateu cruzado com perigo.

Em ritmo de amistoso, a jogo acabou mesmo no 0 a 0, e a definição da medalha de bronze foi para os pênaltis.

Na marca da cal, El Shenawi pegou a batida de Rony, mas Weverton respondeu espalmando a de El Soulia.

Na sequência, Luiz Adriano bateu para fora. No entanto, Marwan também errou e carimbou a trave.

Gustavo Scarpa foi o 1º a finalmente converter para o Palmeiras, e depois Gustavo Gómez também colocou nas redes.

Na hora decisiva, porém, Felipe Melo parou nas mãos de El Shenawi, e o Verdão se despediu do Mundial de forma melancólica.

Ficha técnica

Al-Ahly 0 (3) x (2) 0 Palmeiras

GOLS: Nenhum PÊNALTIS: Al-Ahly: Banoun (O), El Soulia (X), Marwan (X), Hany (O), Ajayi (O) Palmeiras: Rony (X), Luiz Adriano (X), Gustavo Scarpa (O), Gustavo Gómez (O), Felipe Melo (X)

AL-AHLY: El Shenawi; Hany, Banoun, Yasser e Ashraf; Fathi, El Soulia e Tawfik (Dieng); Taher (Marwan), Afsha (Sherif) e Bwalya (Ajayi) Técnico: Pitso Mosimane

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Luan, Gustavo Gómez e Matías Viña; Felipe Melo, Patrick de Paula (Danilo) e Raphael Veiga (Gustavo Scarpa); Rony, Willian (Gabriel Menino) e Luiz Adriano Técnico: Abel Ferreira

Estatísticas

jogo entre Palmeiras e Ah-Ahly em toda a história

11ª vez que o Palmeiras enfrentou um adversário africano

O Palmeiras teve 52% de posse de bola no 1º tempo

O Palmeiras finalizou 8 vezes no 1º tempo, contra 5 do Al-Ahly

Das 7 finalizações do Palmeiras no 1º tempo, 3 foram certas

O Palmeiras terminou o jogo com 53% de posse de bola

O Palmeiras terminou o jogo com 13 finalizações, contra 6 do Ah-Ahly

O Palmeiras terminou o Mundial de Clubes tendo feito 0 gol


Próximos jogos

Os dois times voltam a campo nos próximos dias.

  • Domingo, 14/02, 18h15*, Palmeiras x Fortaleza, Brasileirão

  • Terça-feira, 16/02, 16h*, Al-Ahly x Al-Marreikh, CAF Champions

*horário de Brasília