<
>

Derrota histórica de Guardiola, estreia absurda de Suárez e VAR após apito final: o resumo do fim de semana

Como de costume, o final de semana rendeu várias emoções para o fã do esporte, e o futebol europeu teve algumas histórias bem interessantes, seja em LaLiga, na Premier League ou na Série A...

As goleadas chamaram atenção, assim como algumas estreias, mas quem tentou roubar o protagonismo de verdade, principalmente na Inglaterra, foi o VAR.

Veja abaixo o melhor e o pior do final de semana de futebol na Europa:

*Conteúdo patrocinado por Ford e Sportingbet

Pior derrota do City na 'era Guardiola' com hat-trick de Vardy

Um time comandado por Pep Guardiola nunca havia tomado 5 gols em uma partida, mas o Leicester City de Brendan Rodgers foi capaz de colocar 5 a 2 no placar contra o Manchester City, na casa do adversário. Claro que isso não seria possível sem Jamie Vardy, chuteira de ouro da última temporada da Premier League, que terminou a partida com hat-trick.

20 minutos de glória para Suárez

Há tempos não se via Luis Suárez com a camisa de outro time se não do Barcelona, mas o uruguaio teve seus primeiros 20 minutos defendendo o Atlético de Madrid neste domingo contra o Granada. E que atuação! Nesse tempo, o atacante deu uma assistência e anotou dois gols para deixar a vitória gigante: 6 a 1.

VAR no último lance...

O Tottenham estava vencendo o Newcastle United por 1 a 0 graças a gol de Lucas, que não marcava desde dezembro de 2019, mas o VAR apareceu aos 52 minutos da segunda etapa para o desespero dos londrinos, quando Eric Dier tocou com o braço na bola e o árbitro de vídeo apontou pênalti. Callum Wilson foi o responsável por deixar tudo igual.

...e VAR depois do apito final

Se foi difícil para os Spurs verem 2 pontos perdidos dessa forma, imaginae para o Brighton, que empatava com o Manchester United até o apito final! No entanto, o árbitro checou no VAR o último lance da partida e viu que Maupay havia colocado a mão na bola após cabeçada de Maguire. O jogo voltou, então Bruno Fernandes cobrou a penalidade e deu a vitória aos Red Devils.

Lambança de Thiago Silva e Chelsea lutando até o fim

Depois de estrear na Copa da Liga Inglesa, Thiago Silva jogou sua primeira partida na Premier League pelo Chelsea (como capitão, inclusive) e foi protagonista de um lance esquisito, ao se atrapalhar e dar presente para Callum Robinson abrir o placar para o West Bromwich. No primeiro tempo, o time da casa abriu 3 a 0, mas o Chelsea buscou o empate na segunda etapa com direito a gol salvador de Abraham nos acréscimos.

Gol mais bonito de 2020?

Na Holanda, o argentino Marcos Senesi teve um momento iluminado. Quando seu time, o Feyenoord, empatava em 1 a 1 com o ADO Den Haag, o zagueiro aproveitou sobre de bola aérea para mandar uma bicicleta de respeito, acertando o ângulo.

Barcelona com grande estreia em LaLiga

LaLiga já está na terceira rodada, mas o Barcelona jogou pela primeira vez nesta edição do campeonato e venceu o Villarreal com tranquilidade. O garoto Ansu Fati foi o destaque da partida com dois gols já nos primeiros 20 minutos. Messi e Philippe Coutinho completaram a goleada.

Vitória maluca do Real

O Real Madrid foi até Sevilha enfrentar o Betis e não teve tranquilidade. Mesmo saindo na frente do placar, o time de Zidane levou a virada ainda no primeiro tempo. Mas na segunda etapa, o brasileiro Emerson fez gol contra e ainda foi expulso pelo lado do Betis. No fim da partida, Sergio Ramos cobrou pênalti para dar a vitória por 3 a 2 para o Real... e o lance gerou muita polêmica, pois alguns viram falta de Mayoral em Bartra na disputa.

Cristiano Ronaldo salvador

Se não fosse CR7, Andrea Pirlo teria conhecido sua primeira derrota no comando da Juventus. O português anotou os dois gols da Velha Senhora no empate por 2 a 2 com a Roma, que viu o lado alvinegro com um jogador a menos quando Rabiot foi expulso.

E ainda não acabou!

O final de semana pode já estar na história, mas a segunda-feira (28) dá continuidade à rodada do futebol europeu com um jogaço da Premier League: Arsenal x Liverpool,

A bola rola para o clássico inglês às 16h, com transmissão da ESPN Brasil e do ESPN App. Não perca!