<
>

NFL: Zebra desfila, Titans fazem história e vão à final de conferência ao eliminar Ravens, melhor time da liga

A zebra é incansável, e o Tennessee Titans está na final da Conferência Americana da NFL.

Após eliminar os atuais campeões, o New England Patriots, o desafio na semifinal da AFC era o Baltimore Ravens, melhor time da liga, equipe de Lamar Jackson (que será eleito MVP da temporada), os únicos a vencerem 14 partidas no ano... E, fora de casa, os Titans prevaleceram mais uma vez.

Com uma defesa impecável e um ataque extremamente confiante, o time de Tennessee ditou o ritmo do jogo. Pressionados, os Ravens sentiram e erraram muito mais do que o normal. A zebra seguiu seu roteiro.

Como esperado, a partida não foi equilibrada. Entretanto, para os azarões. Dominantes do início ao fim, os visitantes terminaram a partida com uma vitória por 28 a 12.

Agora, o time espera o vencedor de Kansas City Chiefs x Houston Texans para saber quem visitará na final de Conferência


12 x 28

Estatísticas

Lamar Jackson (BAL) - 31/59 nos passes, 365 jardas aéreas, 20 corridas, 143 jardas terrestres, 1 TD, 2 interceptações, 1 fumble

Marquise Brown (BAL) - 7 recepções, 126 jardas

Ryan Tannehill (TEN) - 7/14 nos passes, 88 jardas, 2 TDs

Derrick Henry (TEN) - 30 corridas, 2 recepções, 1 passe, 205 jardas, 1 TD


O tamanho da zebra

Os Ravens tiveram temporada de 14 vitórias e 2 derrotas. Vinham de 12 triunfos seguidos.

De todos os tempos que jogou em casa na temporada, ficaram atrás em apenas um até a partida desse sábado começar; agora, mais duas.

Mais preocupante, essa foi a primeira vez na temporada que o time de Baltimore não marcou um touchdown na primeira metade do jogo.

Com tudo isso e o resultado final, os Titans se tornaram o primeiro time classificado em 6º a eliminar o número 1 nos playoffs desde 2010, quando os Jets desbancaram os Patriots.

| A culpa é de Lamar? 'Interceptação surpresa' pega Curti desavisado durante análise e faz comentarista 'se render' |


O jogo

Na primeira campanha de Lamar Jackson em campo, o quarterback foi interceptado. E as duas campanhas seguintes dos Titans terminaram em duas jogadas simplesmente incríveis de Ryan Tannehill - e dois touchdowns: 14 a 0 no começo do segundo quarto.

Os Ravens estavam mal e tentaram reagir, mas só conseguiram um field goal. Quando parecia que as energias iam virar, só tivemos outra prova de que o jogo era dos visitantes. Lamar lançou um passe incrível de 38 jardas e colocou seu time muito perto do touchdown, tendo a chance de ir ao intervalo perdendo por pouco. Entretanto, a defesa de Tennessee cresceu e cedeu apenas mais um field goal, deixando o placar em 14 a 6 após metade do tempo.

Voltando dos vestiários, a bola era de Baltimore, que novamente poderia chegar na partida. Entretanto, assim como fizeram em campanha no primeiro quarto, forçaram uma quarta descida e perderam a posse.

Aí chegou a hora dos Titans serem impiedosos.

A zebra veio com tudo e fez um touchdown assinado por Derrick Henry, grande nome dos playoffs. O running back conseguiu uma corrida de 66 jardas na campanha, e na hora de entrar na end zone 'virou quarterback' e lançou Corey Davis.

Em seguida, em sua primeira jogada com a bola novamente, os Ravens sofreram um fumble, e em dois minutos os Titans já faziam outro touchdown, agora com Ryan Tannehill correndo.

Na campanha seguinte, Lamar Jackson foi interceptado novamente, e restando poucos minutos para o fim do terceiro quarto, o placar estava em 28 a 6, e a bola era dos Titans. A última virada em uma partida com tanta diferença no placar foi quando os Patriots superaram os Falcons no Super Bowl LI, em 2017, após perderem por 28 a 3. O jogo já estava terminado.

No começo do último período, os Ravens tentaram uma reação e finalmente conseguiram seu primeiro touchdown, mas erraram a conversão de dois pontos. O buraco estava fundo demais, e os últimos minutos do jogo sequer mudaram o placar.


Agenda de Domingo

Amanhã, mais duas partidas valem vaga nas finais de conferência, e você vê tudo AO VIVO e EXCLUSIVO na ESPN e no WatchESPN.

  • Domingo, 12/01, 17h00 - Chiefs x Texans - quem vencer pega os Titans.

  • Domingo, 12/01, 20h40 - Packers x Seahawks - quem vencer pega os 49ers.