<
>

NBA: Bulls de Jordan, Heat de LeBron e Lakers de Magic e Kareem; relembre as dinastias da liga

A espera acabou: a temporada 2021-22 da NBA começa nesta terça-feira (19) e você acompanha as transmissões dos jogos pela ESPN a partir desta quarta-feira.


A temporada 2021-22 da NBA marca o aniversário de 75 anos da maior liga de basquete do mundo. Ao longo desses três quartos de século, muitos fenômenos apareceram e tantos outros ainda estão diante de nossos olhos. E grandes times foram formados e constelações de estrelas conseguiram erguer o troféu Larry O'Brien por diversas vezes.

*Conteúdo patrocinado por Ágora, Vivo, Ford, Sadia e Samsung

Os melhores conteúdos em vídeo e texto o fã de esporte terá no ESPN.com.br, e a temporada completa da NBA, com 117 jogos de temporada regular, mais playoffs e Finais terão transmissão pela ESPN no Star+. Veja aqui todos os jogos que serão transmitidos.

Por isso, vamos relembrar quais foram as maiores dinastias dos 75 anos de história da NBA.

Chicago Bulls - 1990-98

Não há dúvida de que o Chicago Bulls e Michael Jordan foram os maiores ícones esportivos dos anos 90. Foram 6 títulos nesta década, que poderiam ter sido mais se Jordan não tivesse pausado a carreira para se arriscar no beisebol durante um ano e meio e depois se aposentado das quadras em 99.

Foram nada menos do que 90 vitórias e apenas 26 derrotas nos playoffs para os Bulls entre 1991 e 1998. E o cara, claro, era Michael Jordan, que nos presenteou com atuações decisivas e "milagres" em playoffs e nas Finais.

Los Angeles Lakers - 1979-89

O "Showtime Lakers" está na história e não é pra menos. O time dava show, literalmente, em quadra, e ainda ganhava títulos. Foram 8 finais nos anos 80 e cinco taças. Tudo isso liderado principalmente pela dupla Magic Johnson/Kareem Abdul-Jabbar.

Talvez outros times tenham ganhado mais, mas ninguém entreteve tanto o público quanto os Lakers dos anos 80.

Los Angeles Lakers - 2000-04

A melhor dupla da NBA no começo dos anos 2000 certamente era Shaquille O'Neal e Kobe Bryant. Foram três títulos seguidos e ainda uma aparição nas Finais em 2004.

Depois das aposentadorias de Magic e Kareem, os Lakers protagonizaram espetáculo nas quadras da NBA com Shaq e Kobe. Entre 99 e 2002, a franquia venceu 181 jogos de temporada regular, 12 a mais do que qualquer outra equipe, e ainda venceram 45 partidas e perderam só 13 nos playoffs, com um saldo de +330 pontos.

Boston Celtics - 1956-69

Sem dúvida, a dinastia mais dominante e longínqua da história. No período de 13 anos, os Celtics venceram nada menos do que 11 títulos!

E não foi só com Bill Russell dominando o garrafão e fora da quadra como técnico. Ao todo, os Celtics tiveram outros 12 membros do Hall da Fama nesse período: Sam Jones, K.C. Jones, Tom Heinsohn, Frank Ramsey, John Havlicek, Bob Cousy, Bill Sharman, Bailey Howell, Andy Phillip, Arnie Risen, Clyde Lovellette e Mal Graham.

Boston Celtics - 1981-87

Se os Lakers não ganharam mais títulos nos anos 80, a "culpa" é de Larry Bird e do Boston Celtics, que formaram uma das maiores rivalidades da história do esporte.

Antes mesmo de LeBron, Wade e Bosh, o "Big Three" original era dos Celtics: Bird, Roberto Parish e Kevin McHale.

E quem ousava jogar em Boston certamente sofria, já que o Boston Garden era um verdadeiro caldeirão que pulsava e se tornou símbolo dos três títulos conquistados pela franquia no período.

Golden State Warriors - 2014-2019

Durante esses cinco anos, o Golden State Warriors chegou em TODAS as Finais da NBA, ganhando três delas. Mais do que isso, dando show em quadra, estabelecendo o recorde de 73 vitórias na temporada regular e revolucionando o jogo da bola laranja com os chutes de 3 com uma precisão e volume jamais vistos. Não é exagero chamarmos de "era Steph Curry", já que o jogador simbolizou isso.

A "apelação" veio em 2016, com a adição de Kevin Durant, que foi MVP das duas Finais seguintes e garantiu mais dois títulos dos Warriors contra os Cavs de LeBron.

San Antonio Spurs - 1999-2014

Mesmo sem ganhar títulos consecutivos, a dinastia do San Antonio Spurs chama atenção pois no período de 15 anos o time sempre esteve entre os favoritos ao título, com os elencos mais variados e repleto de jogadores subestimados. As únicas figuras presentes desde o início? Tim Duncan e Gregg Popovich. Com Tony Parker e Manu Ginóbili chegando em 2001 e 2002, respectivamente, a dinastia seguiu ativa atravessando eras na NBA.

De 98 a 2014, os Spurs venceram nada menos do que 1099 partidas, 117 a mais do que qualquer outro time.

Duncan é um dos dois jogadores na história (John Salley sendo o outro) a ter sido campeão em três décadas diferentes.

Miami Heat - 2010-2014

A era de LeBron James no Miami Heat foi dominante, chegando na final durante os quatro anos dele lá. Foram dois títulos e o início de algo que virou "moda" na NBA nos anos seguintes: estrelas se juntando para formar supertimes.

James, Wade e Bosh deram show em quadra, inclusive vencendo 27 jogos seguidos em 2012-13, segunda maior sequência da história, atrás apenas dos 33 jogos dos Lakers de 1971-72.