<
>

Modesto! Jake Paul diz que foi a 'melhor coisa que aconteceu ao boxe' em 100 anos

Em novembro de 2020, Jake Paul começou a ganhar holofotes no mundo do boxe. No mesmo evento que marcou o retorno de Mike Tyson aos ringues, o astro das redes sociais derrotou Nate Robinson, ex-jogador da NBA, e após esse confronto passou a fazer barulho na comunidade da nobre arte.


Um ano depois deste combate, o lutador atingiu um outro patamar dentro do esporte e seus confrontos atraem a atenção de milhões de pessoas e geram bolsas astronômicas para os envolvidos. Por isso, mesmo com pouca experiência nas artes marciais, Jake já tem uma lista de desafetos com nomes como Dana White, presidente do UFC, Nate Diaz, Vitor Belfort, Tyron Woodley, entre outras estrelas.

Portanto, com todos esses holofotes voltados para o lutador, ele, como de costume, fez uma afirmação um tanto polêmica. Em entrevista ao Bleacher Report, o americano se colocou como o melhor acontecimento na modalidade em 100 anos.

"Eu sou a melhor coisa que já aconteceu ao boxe em um século, ponto final. As lendas concordariam. Anthony Joshua, o Mike Tyson, o Manny Pacquiao, o Tyson Fury. Todos eles disseram que o que estou fazendo no boxe é um sopro de ar fresco".

"Acho que esse debate começou há cerca de um ano – Jake Paul é bom para o boxe? Terminei com isso e não acho que haja ninguém do outro lado que pense que sou ruim para o boxe. Tenho uma fundação onde damos luvas de boxe ao maior número de crianças possível. Estamos andando por aí, renovando academias de boxe, inspirando os garotos para o boxe. Acho que esse esporte precisava desse renascimento", disse.

Depois de vencer o astro da internet AnEsonGib, o ex-jogador da NBA Nate Robinson, o ex-campeão do Bellator e do ONE Championship Ben Askre e o ex-campeão do UFC Tyron Woodley, Jake Paul vai retornar aos ringues no próximo dia 18 de dezembro, quando mede forças diante de Tommy Fury.