<
>

Joia brasileira do Estudiantes tem fama de maestro, já jogou com Pirlo e Villa e foi comparada a Vinicius Jr. na Argentina

play
Joia do Estudiantes, brasileiro jogou com Pirlo e Villa e foi treinado por lenda francesa: 'Tinha pôster no meu quarto. Era muito fã' (1:01)

Desde 2019, Vinicius Lansade constrói sua caminhada em solo argentino. Natural de Curitiba, o jogador de 22 anos, filho de pai francês e mãe argentina, contou, em entrevista ao ESPN.com.br, como começou a carreira até chegar ao Pincha. (1:01)

Joia do Estudiantes, o brasileiro Vinicius Lansade falou em entrevista ao ESPN.com.br


Estudiantes e Fortaleza se enfrentam nesta quinta-feira (7), às 21h30, com transmissão ao vivo pela ESPN no Star+, em partida que vale vaga nas quartas de final da Conmebol Libertadores. Com muitas jovens promessas, a equipe argentina conta com um brasileiro em seu elenco.

Desde 2019, Vinicius Lansade constrói sua caminhada em solo argentino. Natural de Curitiba, o jogador de 22 anos, filho de pai francês e mãe argentina, contou, em entrevista ao ESPN.com.br, como começou a carreira até chegar ao Pincha.

“Nasci no Brasil, em Curitiba. Jogava no Coritiba, jogava futsal. Depois do vai e volta da Espanha, em 2011, eu faço um teste no Internacional. Na verdade, fiz três peneiras. Fui uma vez, não passei, tinham 200 meninos. Voltei três meses mais tarde e não passei. A terceira foi a certa. Consegui entrar. Fiquei dois anos, cheguei a jogar Gre-Nal, foi uma linda experiência. Em 2013 eu voltei para a Espanha por conta do trabalho do meu pai. Em 2014 retorno a Porto Alegre, onde passei um tempo no Inter. Tinham mudado os treinadores, então fiquei pouco. Joguei no São José”, começou por afirmar.

“Depois, fui para os Estados Unidos, joguei em uma filial do New York City. Firmei um contrato na França em 2016. Tinha firmado por dois anos com o Bastia, que era da primeira divisão. No rebaixamento para a segunda divisão, fizeram uma revisão da situação econômica do clube e foram para a sétima divisão. Mesmo com um ano de contrato, eu saí. Voltei para os EUA e joguei no New York City, fiquei um ano e meio e tive uma proposta para fazer teste no juniores do Estudiantes e passei. Desde 2019 estou aqui”, completou.

Contato com Andrea Pirlo e David Villa nos EUA

A chegada à Argentina aconteceu justamente pelo New York City não ter uma vaga de estrangeiros no elenco. Isso porque, na época, o clube norte-americano contava nada mais, nada menos que com Andrea Pirlo e David Villa.

Eles falavam ou faziam qualquer coisa e meus olhos estavam em cima deles. Eu tinha que me tocar. Foi estranho, porque eu morei em Valencia por sete anos, o Villa era meu ídolo. Eu tinha um pôster no meu quarto. Eu era muito fã. Como era fim de carreira deles, eles estavam um pouco mais relaxados, então no dia a dia eles conversavam muito, ajudavam os mais jovens.”

No tempo que atuou pelo clube, Vinicius Lansade chegou a participar de duas pré-temporadas na equipe treinada por Patrick Vieira. E fingir costume no dia a dia ao lado dos craques era difícil.

“Treinei muito com eles. Participei de duas pré-temporadas, fomos para Miami, Los Angeles. Com eles eu ainda tenho contato, muito craques todos. O treinador era o Patrick Vieira. Meu pai é francês, eu falo bem francês, a gente teve uma conexão."

“A primeira vez que me chamaram para treinar, meu pai me levou. Bem no momento que chego, meu pai viu o Vieira e falou em francês. Ele chamou meu pai parar ver o treino e comer com ele. Ele sempre foi top."

Comparações a Vinicius Jr. na Argentina

Na decisão da categoria reserva, o mesmo que aspirante no Brasil, o Estudiantes foi derrotado por 1 a 0 pelo Lanús. No entanto, as grandes atuações de Vinicius Lansade fizeram a ESPN Argentina se render ao brasileiro. A conta oficial no Twitter brincou com a nacionalidade do meia e o comparou ao compatriota Vinicius Jr.

Veja abaixo:

“Foi engraçado, porque aqui na Argentina não tem Vinicius, não tem muitos brasileiros. Já fizeram essa brincadeira algumas vezes, não me surpreendeu”, disse o jogador sobre a repercussão antes de confirmar que tem o atacante do Real Madrid como inspiração.

play
0:45

'Não me surpreendeu': joia brasileira do Estudiantes foi comparada a Vinicius Jr. e revela inspiração no craque do Real Madrid

Desde 2019, Vinicius Lansade constrói sua caminhada em solo argentino. Natural de Curitiba, o jogador de 22 anos, filho de pai francês e mãe argentina, contou, em entrevista ao ESPN.com.br, como começou a carreira até chegar ao Pincha.

“Ainda mais ele estando bem no Real Madrid, a mesma idade. Inspiração, é óbvio.”


Com o empate por 1 a 1 no confronto de ida no Castelão, quem vencer no Estádio Jorge Luis Hirschi se classifica para as quartas de final. Uma nova igualdade leva a briga pela vaga aos pênaltis. Quem avançar irá encarar o Athletico-PR.