<
>

Ex-cartola do Fluminense revela choro de Pedro para jogar no Flamengo e diz que venda para Fiorentina foi 'estranha'

Revelado pelo Fluminense, Pedro atualmente brilha com a camisa do Flamengo após passagem rápida e apagada pela Fiorentina, da Itália


Em entrevista ao "Charla Podcast", no YouTube, o empresário Celso Barros, presidente da Unimed e ex-vice-presidente geral do Fluminense, polemizou ao falar da saída do atacante Pedro das Laranjeiras para jogar na Fiorentina, da Itália, em 2019, chegando pouco depois ao Flamengo por empréstimo, no início de 2020.

Atualmente afastado da vida política do Tricolor por desavenças com o presidente Mário Bittencourt, Barros colocou o processo de venda do centroavante sob suspeita, chegando até a contar que o atleta "chorou" para se transferir ao Fla, que já vinha tentando comprá-lo antes mesmo da Fiorentina entrar no negócio.

Acompanhe as notícias e repercussões do Flamengo no SportsCenter, com transmissão pela ESPN no Star+

"Eu não tenho prova de coisa nenhuma, mas alguns comportamentos foram estranhos, como no caso da venda do Pedro. Eu estava lá, participava das reuniões, empresários e tudo. Em uma das últimas reuniões, o Pedro chorou, que queria ir para o Flamengo, queria mesmo ir para o Flamengo", contou.

"O Mário (Bittencourt) ficou vermelho, parecia que ia enfartar… Ainda bem que sou médico (risos). Na última reunião do Pedro, foi na Barra, ele (Mário Bittencourt) disse que eu não precisava ir, pois ia quebrar o pau, iria discutir comissões…", recordou.

"Eu não fui, ele disse que eu não precisava ir, foi quando fecharam tudo. Três meses depois, o Pedro aparece no Flamengo...", ironizou.

"Então, é no mínimo estranho o jogador sonhando em ir para o Flamengo, o Fluminense nega essa ida, vende para a Fiorentina, fez a ponte, ele jogou um jogo lá, rápido veio para o Flamengo. Transação rapidíssima. Na minha opinião, aquilo foi profundamente estranho", complementou.

Pedro acabaria negociado com a Fiorentina, mas ficou pouco no time italiano.

Após fazer apenas quatro partidas com a camisa violeta, sem gols marcados, ele foi emprestado ao Flamengo em 2020.

Com excelente desempenho (23 gols e 3 assistências em 54 partidas), ele foi comprado pela diretoria rubro-negra por 14 milhões de euros na virada para 2021.

Atualmente, o matador registra 17 gols e 6 assistências em 41 duelos na temporada.