<
>

Milan: Pelo terceiro ano seguido, clube tem prejuízo acima dos 100 milhões de euros

play
Veja por que Ibrahimovic, aos 39 anos, diz ser como 'Benjamin Button' (0:55)

O astro do Milan publicou vídeo correndo na esteira, provando que segue em grande momento físico (0:55)

O Conselho de Administração do Milan soltou nesta sexta-feira (9) um comunicado com o balanço financeiro da temporada passada, com um prejuízo líquido de 195 milhões de euros (algo como R$ 1,2 bilhão na cotação atual).

A temporada de 2019/20 é a terceira consecutiva que o clube fica no vermelho por mais de 100 milhões de euros. Em 2017/18 o prejuízo foi de € 126 milhões e no ano seguinte, € 146 milhões.

A pandemia é o principal motivo dessa conta ter fechado ainda mais cara para os rossoneri, que, como clubes por todo o mundo, foram afetados pelos portões fechados e até perderam receita com alguns patrocinadores.

"Em um período fortemente marcado pelos efeitos da pandemia global, o clube não ficou imune aos impactos negativos no seu desempenho financeiro, já fortemente penalizado pela situação herdada", diz o comunicado.

De qualquer forma, o Conselho acredita que o trabalho teve bons resultados neste momento peculiar: "Excluindo o impacto de circunstâncias externas excepcionais, os resultados podem ser considerados significativamente melhorados, em linha com a expectativa do clube".