<
>

Pablo Marí faz boa estreia, Martinelli joga 90 minutos, Arsenal bate Portsmouth e vai às quartas da FA Cup

play
Arsenal invicto? SuperUnited? City dos 100 pontos? Leicester do milagre? Comentaristas escolhem melhores times da história da Premier League (2:57)

Gian Oddi, Gustavo Hofman, Alex Tseng e Natalie Gedra participaram da eleição (2:57)

Pelas oitavas-de-final da FA Cup, o Arsenal visitou o Portsmouth, venceu por 2 a 0 e voltou para casa com a classificação.

O duelo marcou a primeira partida de Pablo Marí, ex-Flamengo, pelo seu novo clube. O zagueiro espanhol jogou pelo lado esquerdo e fez dupla com o brasileiro David Luiz. Sem ser muito testado pela equipe da terceira divisão, o defensor faz uma partida segura. Como gosta o técnico Mikel Arteta, tinha liberdade para sair jogando com os pés e até quebrar linhas com seus passes. Lá na frente, teve uma chance de gol, mas acabou furando após passe de seu companheiro de zaga em lance de escanteio.

A vitória foi tranquila, mas com 13 minutos, os Gunners tiveram uma baixa. James Bolton fez falta em Torreira, e o uruguaio saiu de campo com muitas dores. Mesmo assim, era o time da capital que ditava o ritmo da partida.

Jogando muito pela ala esquerda, com Saka e o brasileiro Martinelli, o Arsenal gerava oportunidades de gol e causava incômodo. O brasileiro era muito acionado e seguido de perto pelos defensores. Com 30 minutos, em cruzamento da direita, ele quase abriu o placar de cabeça, mas a bola, que veio um pouco atrás de seu corpo, foi por cima do gol.

O brasileiro, inclusive, foi um dos jogadores mais pedidos pela torcida durante a eliminação na Liga Europa, contra o Olympiakos. Nesta segunda, teve todo o jogo para mostrar seu futebol: foi acionado, criou algumas chances, mas não marcou.

Apareciam chances dos dois lados, mas nenhum dos dois goleiros teve que trabalhar no primeiro tempo. Na única vez que teria, já nos acréscimos, o goleiro Bass foi vazado. Reiss Nelson cruzou da direita e a bola voltou. Na segunda tentativa, botou na área novamente, Sokratis chegou por trás da defesa e bateu de primeira, sem deixar a bola tocar no chão, estufando as redes do Portsmouth.

Logo no começo da segunda etapa, o Arsenal já garantiu a vaga nas quartas-de-final. Em outro cruzamento da direita, a bola ficou pipocando na pequena área e, mesmo sem ângulo, o garoto Nketiah conseguiu tocar para o fundo do gol, fazendo 2 a 0.

Assim, o time londrino apenas cadenciou a partida até o fim. O Portsmouth colocou a dupla Cannon e Curtis, dois dos principais jogadores da equipe, para tentar buscar o resultado - sem sucesso. Até o apito final, as melhores chances seguiram sendo do Arsenal: em ótima descida de Saka e em chute furado de Pablo Marí.

Ficha técnica

Portsmouth 0 x 2 Arsenal

GOLS: Sokratis e Nketiah

PORTSMOUTH: Bass; McCrorie, Bolton, Burgess e Seddon; Close, McGeehan, Williams, Evans (Cannon) e Harness; Harrison (Curtis); Técnico: Kenny Jackett

ARSENAL: Martinez; Sokratis, David Luiz, Pablo Mari e Saka; Guendouzi, Torreira (Ceballos), Nelson, Willock (Xhaka) e Martinelli; Nketiah; Técnico: Mikel Arteta.

Estatísticas

Pablo Marí fez seu primeiro jogo pelo Arsenal

Jogando em casa pela League One, a terceira divisão inglesa, o Portsmouth está invicto: 12 vitórias e 5 empates

Desde 1958, o Portsmouth não vence o Arsenal. São 22 jogos desde essa marcante vitória por 5 a 4 no meio do século passado. Desde então, o Arsenal venceu 14 vezes e os times empataram oito vezes.

Posse de bola: Portsmouth 26% x 74% Arsenal


Os dois times só voltam a jogar no final de semana:

  • Sábado, 07/02, 12h - Arsenal x West Ham, Premier League

  • Sábado, 07/02, 12h - Peterborough United x Portsmouth, League One