<
>

Quem é a joia do River Plate que fez seis gols em um jogo de Libertadores, encantou Guardiola e vai reforçar o City

Julián Alvarez marcou seis gols na goleada do River Plate por 8 a 1 em cima do Alianza Lima pela Libertadores e reforçará o Manchester City de Guardiola em julho


Seis gols em uma partida. Um hat-trick em cada tempo. Na última quarta-feira (25), Julián Alvarez fez história na Conmebol Libertadores e se tornou o primeiro jogador a marcar três gols em cada tempo na competição - o segundo a fazer meia dúzia em um jogo.

Revelado pelo River Plate, o atacante, natural de Calchín, pequena cidade da província de Córdoba, antes de brilhar na Argentina, passou pelo Real Madrid. Isso mesmo, aos 11 anos, o jogador chegou a atuar pelos Merengues.

No entanto, o destino colocaria o atleta de volta ao seu país. Por conta da saudade da família, Alvarez retornou à Argentina e começou a trilhar o caminho no River Plate.

No time do coração, fez um teste em 2015 para a equipe de base do clube de Monumental de Núñez. Em pouco tempo, chegou aos profissionais.

Em outubro 2018, sob o comando de Marcelo Gallardo, estreou pelos profissionais do River Plate na partida contra o Aldosivi, pelo Campeonato Argentino. O primeiro gol sairia em março de 2019, contra o Independiente, na vitória por 3 a 0.

Ao todo, são quatro títulos com a camisa do River Plate. A Libertadores, em 2018, a Copa Argentina, em 2019, a Supercopa Argentina, em 2020, e a Superliga Argentina, em 2021.

Seleção argentina

A estreia pela seleção argentina aconteceu somente em 2021, contra o Chile, pelas eliminatórias para a Copa do Mundo. No entanto, Julián Alvarez acompanha a Albiceleste há mais tempo.

Em 2018, o atacante esteve na Rússia como um dos jovens jogadores das categorias de base da seleção que treinavam junto com os profissionais.

"Gostei muito da experiência de estar perto dos jogadores da seleção principal. Foi muito forte ficar perto de Messi, ele é o melhor de todos. É impressionante vê-lo treinando e ver o que ele faz com a bola", disse o artilheiro na época.

Além de participar da equipe de Lionel Scaloni que se classificou à Copa do Mundo do Qatar, Alvarez também foi convocado e participou de uma partida na Copa América, vencida pela Argentina em cima do Brasil por 1 a 0 no Maracanã.

Rumo ao City de Guardiola

Com 49 gols em 114 jogos pelo River Plate, o jovem de 22 anos chamou a atenção do Manchester City. Em janeiro, o clube inglês oficializou a contratação do artilheiro argentino por cerca de R$ 111 milhões em um contrato de cinco anos e meio.

Alvarez vive seus últimos dias com a camisa do River Plate. Atualmente, defende o clube do coração por empréstimo até julho. Na abertura da janela de transferências, deixará a equipe de Marcelo Gallardo e rumará a equipe de Guardiola.