<
>

Como Tom Brady fez Gronkowski desistir da aposentadoria e 'recuperar a alegria na vida' para ganhar o Super Bowl

Tom Brady e Rob Gronkowski são possivelmente a melhor dupla de quarterback e recebedor da história da NFL. E eles demonstraram isso mais uma vez no Super Bowl LV, vencido pelo Tampa Bay Buccaneers sobre os Kansas City Chiefs por 31 a 9 nesse domingo (7), no Raymond James Stadium, em Tampa Bay.

E por pouco a dupla não esteve junta novamente. Isso porque ao fim da temporada de 2018, Rob Gronkowski, então com 29 anos, anunciou sua aposentadoria do futebol americano.

Já um dos maiores tight ends da história, Gronk citou desgaste mental após nove anos e três títulos com o New England Patriots.

“Eu não estava bem. Futebol americano estava me desanimando e eu não estava gostando. Eu estava perdendo a alegria de viver. Eu acredito que esses nove anos de futebol americano me levaram a esse ponto”, disse o atleta à época.

Gronkowski foi participar de reality shows na TV dos Estados Unidos e chegou até a lutar no WWE e ganhar um cinturão

Só um homem foi capaz de fazer Gronkowski mudar de ideia. E ele é o mesmo que lançou praticamente todos os passes recebidos pelo tight end até hoje.

Assim que Tom Brady fechou com os Bucs, a franquia foi atrás de um de seus alvos preferidos. E o quarterback 'entrou' na jogada e convenceu Gronk com algumas ligações.

"Foram uma série de conversas. Veio o período de free agency e eu estava vendo e falaram que ele ia pra Tampa. Ele me perguntou se eu voltaria e eu falei 'eu estava esperando você se decidir'. É uma história incrível, tem mais conversas que rolaram. Vir para Tampa Bay, pra essa franquia, foi incrível", disse Gronk na coletiva após o Super Bowl.

Na temporada regular, Gronkowski foi utilizado na maioria do tempo para bloquear corridas e proteger Brady, tendo apenas 623 jardas, mas ainda assim anotando 7 touchdowns.

Mas Gronkowski foi crucial bem quando Brady e os Bucs mais precisavam: no Super Bowl.

O tight end teve 6 recepções, 67 jardas e anotou 2 touchdowns na partida, ajudando os Bucs a conquistarem o título do Super Bowl LV.