<
>

Super Bowl: Tom Brady dá aula com Gronkowski, Mahomes 'some', Bucs vencem os Chiefs e conquistam o título da NFL

Tom Brady mostrou novamente por que é o maior quarterback de todos os tempos e deu show neste domingo, conduzindo o Tampa Bay Buccaneers à vitória sobre o Kansas City Chiefs por 31 a 9 no Super Bowl LV, no Raymond James Stadium.

Acionando Rob Gronkowski e do outro lado com Patrick Mahomes em um dia irreconhecível, Brady ajudou os Bucs a conquistarem o segundo título da NFL em sua história - o outro havia sido em 2003. E o quarterback de 43 anos amplia seu próprio recorde e ganha um Super Bowl pela sétima vez, mais do que qualquer outro jogador na história.

*Conteúdo patrocinado por Ipiranga, Mitsubishi, Samsung, C6 Bank e Magazine Luiza

Apesar da expectativa de uma partida equilibrada entre dois dos maiores quarterbacks da NFL, o jogo teve só um time na prática em campo.

Mahomes esteve em uma noite muito abaixo do seu padrão, seus recebedores droparam diversos passes, e a defesa não conseguiu segurar Brady e Gronkowski. Com isso, o sonho do segundo título consecutivo dos Chiefs se foi, e a taça Vince Lombardi ficou com os Bucs.

Demoraram a engrenar

Apesar de dois dos maiores quarterbacks da NFL, o duelo começou truncando, com as defesas pressionando os quarterbacks e não dando chances aos recebedores. Por isso, as três primeiras campanhas não tiveram pontos, até que Harrison Butcker abriu o placar com um field goal de 49 jardas para os Chiefs.

E no fim do primeiro quarto, Brady lançou um passe para touchdown para seu velho companheiro Rob Gronkowski. Esse foi o TD número 4 da dupla em Super Bowls, igualando o recorde de Joe Montana/Jerry Rice. Eles passaram Montana e Rice e se tornaram detentores do recorde de mais TD's nos playoffs na história (13) com esse lance.

Curiosamente, esse foi o primeiro TD de Tom Brady no primeiro quarto de um Super Bowl em toda a sua carreira.

Paredão uma vez, mas novamente tinha Gronkowski!

Por pouco os Bucs não ampliaram o placar logo de cara. Mas a defesa dos Chiefs parou o ataque rival em uma tentativa de 4ª para 1 na linha de uma jarda.

Porém, no drive seguinte dos Bucs, Brady achou Gronkowski novamente dentro da endzone para fazer 14 a 3 no placar e anotar o seu segundo touchdown na partida.

Segundos antes do intervalo, a defesa dos Chiefs deu "pane", abusou de faltas bobas e colocou Brady novamente na beira da endzone. E o QB conectou um passe com Antonio Brown para ampliar ainda mais a vantagem dos Bucs antes do show do intervalo.

The Weeknd agita o fim de semana!

Volta igual tinha terminado antes do intervalo

Os Chiefs voltaram do intervalo com a posse de bola e conseguiram anotar um field goal logo de cara. Mas quando a bola voltou para as mãos de Tom Brady, ele conduziu uma campanha com uma recepção incrível de Gronkowski que terminou numa corrida de 27 jardas para o touchdown de Leonard Fournette.

Como se não bastasse isso, Mahomes foi interceptado na posse seguinte, com o jogo já 28 a 9 contra Kansas City.

Mahomes realmente não estava num bom dia, algo completamente estranho para o seu talento, e os Chiefs também "sumiram" na partida, não sendo páreos para os Bucs no ataque a na defesa.

Estatísticas

Kansas City Chiefs

  • Patrick Mahomes: 26/49 nos passes, 270 jardas, 0 TD, 2 interceptações, 33 jardas corridas

  • Travis Kelce: 9 recepções, 133 jardas

  • Tyreek Hill: 7 recepções, 73 jardas

Tampa Bay Buccaneers

  • Tom Brady: 21/29 nos passes, 201 jardas, 3 TDs, 0 interceptação

  • Rob Gronkowski: 6 recepções , 67 jardas, 2 TD's

  • Leonard Fournette: 16 corridas, 89 jardas, 1 TD