<
>

Mahomes conduz virada histórica, Chiefs vencem 49ers e ganham o Super Bowl após 50 anos

Após 50 anos, a NFL enfim volta a ser do Kansas City Chiefs.

Neste domingo, no Hard Rock Stadium, em Miami, os Chiefs venceram o San Francisco 49ers por 31 a 20 de forma espetacular com uma virada no último quarto e levaram o Super Bowl LIV.

Patrick Mahomes, que vinha jogando mal, sucumbindo diante da defesa dos Niners, lançou para dois touchdowns num período de quatro minutos e conduziu os Chiefs à virada. Até restarem sete minutos para o fim, os 49ers venciam por 20 a 10. Mas uma campanha que teve uma 3ª para 15 e uma 3ª para 10 convertidas por Mahomes, levantou os Chiefs. Foi o bastante para fazer Mahomes ser eleito o MVP da decisão.

O running back Damien Williams foi o outro nome da virada: ele recebeu o passe para a virada e arrancou ao TD de 38 jardas que fechou o placar.

Essa é a segunda maior virada da história do Super Bowl, ficando atrás apenas da do New England Patriots diante do Atlanta Falcons no Super Bowl LI, quando o time de Tom Brady perdia por 28 a 3 e virou.

Mahomes se notabilizou o ano todo pelas viradas. Essa foi a quinta dele no ano quando estava perdendo por dígitos duplos, três delas nos playoffs.

Nenhum quarterback na história havia tido três viradas nos playoffs assim.

A era Mahomes está só começando.


31 x 20

Estatísticas

Patrick Mahomes, QB - 26/41, 286 jardas, 2 TDs e 2 INT
Damien Williams, RB - 17 tentativas, 104 jardas e 2 TDs
Tyreek Hill, WR - 9 passes recebidos e 105 jardas

Jimmy Garoppolo, QB - 20/29, 219 jardas, 1 TD e 2 INTs
Raheem Mostert, RB - 12 tentativas, 58 jardas e 1 TD
Kyle Juszczyk, FB - 3 passes recebidos para 39 jardas e 1 TD


A melhor dupla da televisão brasileira entra em ação

Antes mesmo do jogo começar, o clima latino já tomava conta... da dupla dos canais ESPN!

Everaldo Marques e Paulo Antunes aproveitaram o som de Shakira e Jennifer Lopez durante a transmissão e começaram a dançar na cabine de transmissão! Que dupla!


Homenagens a Kobe Bryant

Os dois times se perfilaram nas linhas de 24 jardas em homenagem a Kobe Bryant, sua filha Gianna e as sete outras vítimas do acidente que aconteceu no último domingo, 26 de janeiro.

Kobe, que usou as camisas 24 e 8 em 20 temporadas de Lakers, morreu aos 41 anos de idade. A tragédia segue comovendo o mundo do esporte, e não foi diferente no Super Bowl.


Shakira, Jennifer Lopez e nada mais!

SHOW... com letras maiúsculas!

Shakira e Jennifer Lopez tomaram conta do palco durante o intervalo da partida e enlouqueceram os fãs no estádio e nas redes sociais por todo o mundo!


Mahomes leva ela para casa

O kicker Robbie Gould abriu o placar do Super Bowl LIV com um chute de 38 jardas logo na primeira campanha dos 49ers no jogo. Mas a resposta veio logo em seguida.

Depois da defesa dos 49ers parar o ataque dos Chiefs duas vezes na linha de uma jarda, Mahomes decidiu resolver ele mesmo e entrou na end zone para fazer 7 a 3 para os Chiefs. De quebra, o camisa 15 se tornou o primeiro quarterback a correr para um TD em um Super Bowl desde Colin Kaepernick, no Super Bowl XLVII.


Pressão em Garoppolo = interceptação

Buscando o empate, Jimmy Garoppolo tentou usar o braço. Mas o resultado não foi nada bom.

O quarterback dos 49ers foi pressionado, arriscou um passe mesmo levando pancada... e acabou interceptado por Bashaud Breeland. Foi só a segunda interceptação de um QB dos 49ers em Super Bowl - Joe Montana e Steve Young nunca foram interceptados na decisão da NFL.


Os fullbacks ainda respiram

O empate dos 49ers veio da forma mais improvável possível.

O fullback Kyle Juszczyk, que só teve um touchdown na temporada regular e não somou nenhuma corrida nos outros dois jogos de playoffs, recebeu a bola de Garoppolo e entrou na end zone para fazer 10 a 10.


Mahomes espalha a farofa... e os 49ers não perdoam

Mahomes teve poucas chances de fazer passes longos na partida, mas quando ele tentou...

Perdendo por 13 a 10 no terceiro quarto, o quarterback tentou encontrar Tyreek Hill no meio do campo, mas o lançamento foi curto, e ele foi interceptado por Fred Warner. Foi a primeira interceptação lançada por Mahomes nos playoffs - até então, eram 11 touchdowns e nenhum passe nas mãos dos adversários.

Com a bola, os 49ers não perderam a chance de abrir vantagem no placar.

Em seis jogadas, eles cruzaram o campo e entregaram a bola para Raheem Mostert, que entrou na end zone e fez 20 a 10 para San Francisco.

Na primeira campanha dos Chiefs no último quarto, Mahomes foi interceptado mais uma vez.

Ele lançou a bola para Tyreek Hill, que não conseguiu segurar a bola, e ela caiu no colo de Tarvarius Moore.


A virada dos Chiefs!

Seis minutos e 13 segundos para o fim. Foi neste momento que Patrick Mahomes completou uma grande campanha com um passe para Travis Kelce na end zone e cortou a desvantagem para 20 a 17.

Os Chiefs estavam de volta à partida.

A defesa de Kansas City segurou o ataque de San Francisco, e a bola voltou para Mahomes.

Depois de sete jogadas e 65 jardas, o quarterback a entregou para Damien Williams, que correu cinco jardas e, por centímetros, entrou na end zone e virou a partida em 24 a 17.

Os 49ers tentaram mais uma vez, pararam na defesa dos Chiefs, e Kansas City amassou... de novo com Damien Williams.

O running back arrancou para um touchdown de 38 jardas com pouco mais de um minuto para o fim e fechou o placar em 31 a 20. O título é de Kansas City novamente.