<
>

MVP, destaques, sucessos e fracassos: as previsões ousadas para a temporada 2019 da NFL

play
Trocas, aposentadorias e contratos: fique por dentro de tudo o que rolou na NFL em 2019 (2:16)

Ficou desligado da bola oval desde fevereiro? Atualize-se antes da temporada começar (2:16)

Está chegando a hora!

Na próxima quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), Chicago Bears e Green Bay Packers dão o pontapé inicial para a 100ª temporada da NFL. A partida, é claro, terá transmissão da ESPN e do WatchESPN.

Como acontece com todos os torcedores nos meses sem futebol americano, a equipe do ESPN.com.br imaginou diversos cenários para cada uma das 32 franquias, sonhos de sucesso ou enormes pesadelos de fracasso. E acabamos criando um conflito interno sobre quem será o MVP da temporada.

Reunimos aqui as mais ousadas previsões de cada time, arriscando-nos no fino limite entre o sucesso retumbante de uma previsão correta até a piada de um erro cômico.

Sucesso ou fracasso? O tempo (e o print) dirá

Confira!

NFC LESTE

PHILADELPHIA EAGLES

Ricardo Pincigher: Carson Wentz será o MVP da liga

Carson Wentz teve uma temporada de MVP e é dono de um contrato de US$ 100 milhões. Voltando de nova lesão, ele tem que provar que consegue se manter saudável e não precisa de Nick Foles. Com Jordan Howard para ajudar na sua proteção e uma arma poderosa em DeSean Jackson, esse será o ano que Wentz provará que tudo valeu a pena.

NEW YORK GIANTS

Pincigher: Daniel Jones será titular nos últimos quatro jogos da temporada

A Era Eli Manning parece estar chegando ao fim na Big Apple, mas Daniel Jones só entrará em campo se não houver mais chances de playoffs. Os Giants podem, com Eli, levar as esperanças até restarem quatro jogos para o fim do ano. Então, com a cabeça apenas no futuro, Eli deixará a cena para o QB questionado no draft e que impressionou na pré-temporada.

DALLAS COWBOYS

Pincigher: Vaga para os playoffs, mas Jason Garrett será demitido

A verdade é: se Dallas não for para o Super Bowl, Garrett será demitido. Os jogadores são bons, o time é bom. Mas a comissão nem tanto. Os Cowboys vencerão no máximo nove jogos na temporada e ficarão com uma vaga de wild card e parando por aí. No time desde 2007, Garrett está no último ano de seu contrato e as coisas serão mais fáceis para Jerry Jones. E ninguém ficará surpreso.

WASHINGTON REDSKINS

Pincigher: Jay Gruden será demitido e Haskins será o futuro da franquia (a partir de 2020)

Jay Gruden tem apenas duas temporadas vitoriosas nos Redskins (2015 e 2016) e somente uma aparição nos playoffs (derrota no wild card). Um técnico não consegue suportar isso por muito tempo. Depois de um começo com cinco derrotas Gruden será demitido, mas Dwayne Haskins, visto como o futuro do time, não será titular, já que sem Trent Williams na linha ofensiva, qualquer QB terá que correr pela vida.

NFC NORTE

MINNESOTA VIKINGS

Matheus Zuchetto: Kirk Cousins vai sentir a pressão (de novo)

A reta final da temporada de estreia de Cousins nos Vikings foi decepcionante, principalmente pela expectativa criada. Em 2019, Dalvin Cook está de volta ao backfield, mas a defesa de Minnesota não é mais a mesma. Ou seja, a pressão será ainda maior sobre o quarterback, que ainda não mostrou que sabe lidar com tudo isso.

GREEN BAY PACKERS

Zucchetto: Os Packers voltarão aos playoffs

Matt LaFleur é um dos cobiçados treinadores que passaram pela comissão técnica de Sean McVay nos Rams. Sim, a temporada como coordenador ofensivo nos Titans foi decepcionante, mas agora ele tem Aaron Rodgers nas mãos. Além disso, os Packers investiram pesado na defesa durante a free agency. O time tem tudo para voltar a ser uma das potências da NFC e, claro, disputar os playoffs.

CHICAGO BEARS

Zucchetto: Khalil Mack vai bater o recorde de sacks em uma temporada

Mack chegou aos Bears uma semana antes do início da temporada passada. Ou seja, ele não participou da offseason de 2018 com Chicago. Desta vez, ele participou de toda a preparação e é o grande nome da defesa que assombrou a liga no ano passado. O recorde de 22.5 sacks é de Michael Strahan, que alcançou a marca com os Giants em 2001. Mack teve pelo menos 10.5 sacks desde seu segundo ano na NFL, e o recorde pode, sim, ser derrubado.

DETROIT LIONS

Zucchetto: Kerryon Johnson fará companhia a Barry Sanders

Das 10 maiores marcas de jardas terrestres em uma só temporada dos Lions, nove pertencem a Barry Sanders. Kerryon Johnson teve 641 jardas em sua temporada de calouro, mas jogou em apenas 10 partidas. Agora saudável e sem Theo Riddick ao seu lado, Johnson deve ver sua produção crescer consideravelmente. Para entrar no top 10 dominado por Sanders, ele precisa ter ao menos 1034 jardas terrestres – marca do lendário running back em 1990.

NFC SUL

NEW ORLEANS SAINTS

Matheus Sacramento: Drew Brees ganhará o MVP que lhe falta

A NFL geralmente dá o prêmio de Jogador Mais Valioso da temporada para o quarterback de um dos times com melhor campanha da liga. Os Saints, que venceram 13 jogos em 2018, são candidatos a lutarem pelas primeiras posições da NFC novamente. Brees já era cogitado como MVP no ano passado, até declinar sua produção nas últimas semanas, mas 2019 pode ser o ano que finalmente coroa sua carreira de Hall da Fama.

CAROLINA PANTHERS

Faldon: Christian McCaffrey terá mais de 20 touchdowns no ano

Em um time sem grandes recebedores, com Cam Newton e seus read-options, McCaffrey tem tudo para ser o principal "playmaker" dos Panthers, que devem apostar muitas fichas no jogo corrido. Em 2018, seu segundo ano na NFL, o RB já teve mais de 1900 jardas totais e anotou 13 touchdowns. Ele tem tudo para ter um 2019 monstruoso.

ATLANTA FALCONS

Faldon: Matt Ryan vai passar das 5 mil jardas

Ele nunca conseguiu este feito em sua carreira, mas ainda tem Julio Jones em seu auge e Calvin Ridley no seu segundo ano de NFL pode ser um alvo valiosíssimo. E no ano passado, Ryan ficou a menos de 100 jardas de passar desta marca.

TAMPA BAY BUCCANEERS

Sacramento: Jameis Winston terá a melhor temporada da carreira

Novo técnico dos Buccaneers, Bruce Arians não escreveu o livro “The Quarterback Whisperer” à toa. Conhecido como um ‘encantador’ de QBs, já levou até Carson Palmer à final da NFC. Sob seu comando, Winston terá a melhor temporada de sua carreira, lançará menos interceptações e levará Tampa Bay a... lugar nenhum. O time não está no nível da NFC Sul.

NFC OESTE

LOS ANGELES RAMS

Andrei Paternostro: Darrell Henderson será eleito Calouro Ofensivo do Ano

O problema que tirou o sono de Sean McVay nos últimos playoffs deve atormentá-lo novamente: Todd Gurley não está 100% saudável. Diante disso, o Los Angeles Rams precisará mais de seu corpo de running backs e é aí que aparecerá Henderson. Recém-chegado de Memphis, o corredor vai desbancar os favoritos, entre eles Kyler Murray, e terminará o ano como melhor calouro de ataque. Além disso, os Rams seguirão consistentes e irão para os playoffs via wild card.

SEATTLE SEAHAWKS

Paternostro: Tyler Lockett terminará a temproada no top 10 em jardas recebidas

Oito temporadas depois, o ataque do Seattle Seahawks não terá mais Doug Baldwin ao seu dispor. Mas "No Baldwin, no problem". Mais rico do que nunca, Russell Wilson encontrará em Tyler Lockett seu novo alvo de confiança. Após a melhor temporada de sua carreira, o camisa 16 assumirá o protagonismo do jogo aéreo da equipe e será importantíssimo para o título da NFC Oeste, que ficará com os Seahawks.

SAN FRANCISCO 49ERS

Paternostro: Time terá o melhor ataque da divisão, mas não se classificará aos playoffs

Enfim, Jimmy Garoppolo será aquilo que a torcida do San Francisco 49ers espera. Mais do que isso, o time comandado por Kyle Shanahan se mostrará mais encorpado e dará um grande salto de desempenho. Com uma mentalidade agressiva, o ataque dos 49ers será o melhor da divisão e Garoppolo será um forte candidato a Comeback Player Of The Year, mas vai bater na trave do wild card.

ARIZONA CARDINALS

Paternostro: David Johnson terminará a temporada no Top 5 de jardas terrestres

A temporada 2019 marca (novamente) o início de um ciclo no Arizona Cardinals, sai Josh Rosen e chega Kyler Murray. Contudo, o velho conhecido David Johnson será o grande destaque da equipe, terminando a temporada entre os cinco jogadores com mais jardas terrestres na liga. Porém, isso não será o suficiente para levar os Cardinals aos playoffs, nem mesmo uma campanha positiva.

AFC LESTE

NEW ENGLAND PATRIOTS

Rafael Belattini: Todo o destaque vai para a defesa

O ataque tem Tom Brady e um grupo interessante de running backs e recebedores, mas o que promete chamar atenção é a defesa. Bill Belichick vai voltar a chamar as jogadas de defesa, e o grupo de jogadores é um dos mais talentosos desde 2016. Se a defesa foi uma das piores cedendo jardas nos últimos dois anos (ótima não permitindo pontos), neste ano ela estará entre as 10 melhores. Winovich vai entrar na disputa de Calouro Defensivo do Ano.

MIAMI DOLPHINS

Belattini: Os Dolphins terão a 1ª escolha no Draft 2020

A ideia inicial era falar que Rosen conseguiria mostrar que merece um contrato longo e seria o futuro da franquia. Mas o sábado dos cortes chegou e a troca de Tunsil para os Texans acaba com as esperanças de não vermos um "tank" na temporada. Brian Flores parece ter visto o time na pré-temporada e entendido que o melhor é apostar em Tua Tagovailoa no próximo ano. Aliás, como ele é canhoto, não é preciso ter um letf tackle caro, mas sim um right tackle.

BUFFALO BILLS

Belattini: Bills de volta aos playoffs

Duas temporadas atrás, os Bills quebraram um longo tabu e foram à pós-temporada. Agora, por mais que muitos apontem as chances apenas para o próximo ano, os Bills conseguirão uma vaga de wild card. O destaque do time será Josh Allen, que pode não ser o QB mais preciso, mas vai compensar isso com longos passes para TD.

NEW YORK JETS

Belattini: Nada de playoffs, e pode culpar exclusivamente a secundária por isso

Sam Darnold já deu sinais de que é um bom quarterback. Le’Veon Bell dá um tempero interessante para o ataque de Adam Gase. Leonardo Williams e o calouro Quinnen Williams prometem dar trabalho nas trincheiras, mas a secundária vai estragar tudo isso e manter a temporada dos Jets apenas entre setembro e dezembro.

AFC NORTE

PITTSBURGH STEELERS

Sacramento: James Conner será Top 5 em jardas de scrimmage

O substituto de LeVeon Bell já mostrou que, assim como seu mestre, sabe muito bem receber a bola. Sem Antonio Brown, é possível que James Conner seja o segundo atleta com mais recepções no time em 2019. Some isso às quase mil jardas terrestres em só 12 jogos no seu primeiro ano como titular e é possível prever o surgimento de uma nova estrela em Pittsburgh, ‘voando’ na estatística de “scrimmage yards” (jardas recebidas + corridas).

BALTIMORE RAVENS

Sacramento: Lamar Jackson quebrará o recorde de Michael Vick

Nenhum quarterback correu mais do que 1.039 jardas numa temporada da NFL. Em 2019, Lamar Jackson tem a oportunidade de superar o feito conquistado por Michael Vick em 2006. Ainda com certa instabilidade no jogo aéreo, o segundo anista liderará um cada vez mais potente ataque terrestre do Baltimore Ravens e precisa de 65 jardas terrestres por partida para escrever seu nome no livro dos recordes.

CLEVELAND BROWNS

Sacramento: Baker Mayfield supera 35 passes para TD

Desde que o atual técnico Freddie Kitchens assumiu o comando do ataque dos Browns na semana 9 da última temporada, Baker Mayfield tem média de 2,38 passes para touchdown por jogo. Multiplique essa média por 16 partidas e chegue ao incrível número de 38 TDs. Isso porque, em 2018, não havia Odell Beckham Jr no ataque. O segundo anista tem tudo para sem uma máquina de pontos em 2019.

CINCINNATI BENGALS

Sacramento: AJ Green será trocado até a semana 9

AJ Green é o jogador mais importante dos Bengals, mas vem sofrendo com muitas lesões. Aos 31 anos, está no último ano do seu contrato e pode sair “de graça” na próxima temporada. Com novo técnico, sem grandes perspectivas em 2019 e US$ 43 milhões investidos no jovem WR Tyler Boyd, Cincinnati pode conseguir boas escolhas no Draft se negociar sua estrela e reconstruir o ataque.

AFC SUL

JACKSONVILLE JAGUARS

Belattini: Nick Foles vai decepcionar

É difícil dizer que um quarterback vai decepcionar uma torcida que passou anos com Blake Bortles, mas se a esperança era ver o Foles MVP do Super Bowl e super astro dos playoffs, é bom se preparar. Com alvos muito menos poderosos que na Filadelfia, Foles terá que comemorar se terminar o ano com 20 passes para touchdown.

TENNESSEE TITANS

Belattini: Dois QBs agora, nenhum no fim do ano

Ryan Tannehill chegou para colocar pressão em Marcus Mariota, em seu último ano de contrato. Mas a equipe de Mike Vrabel terá a posição de quarterback como o ponto fraco do time durante toda a temporada, ficando fora dos playoffs. Nenhum dos dois estará no elenco para a próxima temporada.

INDIANAPOLIS COLTS

Zucchetto: Jacoby Brissett não será tão ruim assim

Os Colts não vão chegar aos playoffs em 2019. A aposentadoria de Andrew Luck acaba com os sonhos do time de brigar por algo maior, mas entre todas as alternativas, ter Brissett como reserva é uma das ‘menos piores’. O ex-quarterback dos Patriots sabe o sistema e tem a capacidade de liderar Indianapolis nesta que será a 1ª temporada de uma reconstrução.

HOUSTON TEXANS

Zucchetto: Deshaun Watson briga para ser o MVP

Em sua temporada de calouro, Watson assombrou toda a NFL. A lesão no joelho atrapalhou sua evolução, mas, em 2018, ele deu demonstrações do que pode fazer. Se a linha ofensiva dos Texans ajudar, Watson voltará a ser DeShow, e o prêmio de MVP se torna algo alcançável.

AFC OESTE

KANSAS CITY CHIEFS

Faldon: Patrick Mahomes terá uma temporada ruim

Ele foi a grande estrela em 2018 e já é apontado como o futuro da NFL. Mas seu principal problema em tomada de decisões e passes quase impossíveis podem vir à tona em 2019. Afinal, a história nos mostra que o MVP nunca consegue manter a forma. E agora os times têm um ano de estudo no seu estilo, ele não é mais novidade. Espere Mahomes com menos de 30 touchdowns e mais de 20 interceptações.

LOS ANGELES CHARGERS

Faldon: Os Chargers vão ganhar a AFC Oeste

Com uma ótima defesa, bons recebedores e contando que Melvin Gordon vá atuar, o LA Chargers tem um conjunto que tem tudo para vencer a divisão. Nos playoffs, a história já é outra.

DENVER BRONCOS

Faldon: Joe Flacco terá mais interceptações que touchdowns

De fato, os Broncos melhoram a sua situação de QB com Flacco. Mas o time não tem grandes recebedores, a linha ofensiva não é aquelas coisas. Depois de dois anos seguidos em baixar nos Ravens, não parece que Joe Flacco irá se reinventar em Denver.

OAKLAND RAIDERS

Faldon: Antonio Brown terá menos de 1000 jardas recebidas

Após a 'novela' do capacete, Antonio Brown em algum momento terá mais um ato de estrelismo que vai prejudicar seu relacionamento dentro dos Raiders, evitando que ele alcance as 1000 jardas recebidas, algo que não acontece desde 2012.