<
>

Tricampeão da NBA detona Beverley por críticas a Chris Paul: 'Você também é um cone e não defende m** nenhuma'

play
Armador dos Wolves, Patrick Beverley solta o verbo sobre os Suns: 'Ninguém na liga tem medo de Phoenix' (0:40)

Beverley participou do 'Get Up', da ESPN (0:40)

Danny Green detonou Patrick Beverley pelas declarações contra Chris Paul


O armador Patrick Beverley, do Minnesota Timberwolves, é um dos jogadores mais polêmicos da NBA. Após a eliminação do NBA Phoenix Suns, o atleta entrou em mais uma polêmica ao detonar Chris Paul e chamá-lo, inclusive, de "cone" na defesa.

As declarações de Beverley repercutiram entre os outros jogadores e Danny Green, tricampeão da NBA por San Antonio Spurs, Toronto Raptors e Los Angeles Lakers, foi um dos que detonou o jogador dos Wolves.

"As pessoas também têm você como alvo, Pat Bev. Você não defende m** nenhuma. Você não para Luka. Várias e várias vezes eu vi Luka olhar para você e pensar 'ele é pequeno pra c**' e ir para cima de você sem pena", disse o ala-armador do Philadelhia 76ers ao podcast Inside The Green Room.

"Quando você joga contra Luka, você é um cone também. Eu falo duas vezes até. Vai pro c**", finalizou.

Patrick Beverley viralizou após participar do Get Up, da ESPN, e detonar Chris Paul e os Suns.

"Como jogador de basquete, você vê que eles (Suns) estavam com medo. Eles sabiam que o Luka ia tirar a alma deles. Eles sabiam, desde o começo, o que iria acontecer. Ele já fez isso... Acredite, eles têm iPhones, Instagram... Viram os números de Luka Doncic, com média de 39 pontos. Me ouviram falar que ele fez isso comigo, com Kawhi e Paul George, com certeza faria com eles. Eles sabiam disso. E eles tinham medo do Luka. Ninguém tem medo de Phoenix, cara", disse.

play
1:32

'Chris Paul é um cone e não consegue marcar ninguém na NBA', dispara Patrick Beverley

Armador dos Wolves participou do 'Get Up', da ESPN

"Ninguém na NBA se preocupa quando vai jogar contra Chris Paul. Ele só consegue escapar com marcações que os árbitros apitariam se fossem outros jogadores. Se sou eu, é replay e flagrante. Ele pode. Vamos ser honestos? Ele deveria ter sido ejetado por excesso de faltas nos últimos dois jogos. Ele fica acertando todo mundo no rosto, no ombro, ele não sabe marcar. Todo mundo sabe, ele não consegue marcar ninguém. Chris Paul não consegue marcar ninguém, todo mundo na NBA sabe disso. Sabe quando você está fora da temporada e coloca cones para treinar e passa por eles? O que o cone faz? Nada. Ele é um cone", finalizou.