<
>

MMA: Presidente do Bellator afirma que vencedor de GP será o melhor meio-pesado da modalidade

Após o Bellator 268, Scott Coker, líder da organização, garantiu que o vencedor do GP dos meio-pesados será o melhor lutador da divisão não só de sua companhia, como também do MMA em geral


Realizado no último sábado (16), no Arizona (EUA), o Bellator 268 teve como ponto alto o torneio dos meio-pesados (93 kg). No show, Vadim Nemkov, campeão da categoria, finalizou Julius Anglickas e Corey Anderson nocauteou Ryan Bader, e, com isso, ambos avançaram para a final do GP da divisão. Como os atletas impressionaram em seus triunfos, Scott Coker, líder da organização, aproveitou para provocar o UFC.

O melhor do Bellator você acompanha pela ESPN no Star+.

Na coletiva de imprensa pós-Bellator 268, o cartola parabenizou Nemkov e Anderson por suas atuações dominantes e se mostrou empolgado com o choque entre os atletas na final do GP dos meio-pesados, que vale o título da categoria e o prêmio de um milhão de dólares (cerca de R$ 5,5 milhões). Tanto que Coker afirmou que o vencedor do torneio será o melhor lutador da divisão não só de sua companhia, como também do MMA em geral.

Anteriormente, o homem de negócios havia feito tal posicionamento, pois mesclou nomes consagrados do MMA, principalmente ex-lutadores do UFC, com promessas do esporte. Na sequência, Dana White riu da declaração e zombou, ao lembrar que parte dos tops do Bellator foram liberados pelo UFC. A provocação não abalou Coker, que voltou a expressar seu orgulho por ter uma divisão de classe mundial e competitiva.

“Absolutamente. Este foi um grande torneio nos meio-pesados e, quem quer que ganhe, para mim, é o melhor meio-pesado do planeta. Quando Nemkov foi acertado, pensei que estava tudo acabado. Não foi um golpe sem força. Ele foi acertado por um grande golpe e pensei que a luta havia acabado. Para seu crédito, ele voltou e lutou com inteligência. Quando cortou Anglickas, acho que foi isso que mudou a maré e ele viu a capacidade de machucar o oponente”, declarou o líder do Bellator, antes de completar.

“Quando você é o campeão, você dá um passo à frente e foi isso que ele fez. Corey fez uma luta rápida. Bader foi acertado e assim acabou. Ele bateu no tempo certo. Esperava ter mais alguns rounds, mas isso é MMA, as coisas acontecem rapidamente e de forma explosiva. É por isso que as pessoas gostam, porque é muito explosivo e foi isso que você viu com Corey”, concluiu.

Além da final do GP dos meio-pesados do Bellator envolvendo Vadim Nemkov e Corey Anderson, ainda sem data para acontecer, a luta entre Jan Blachowicz, campeão do UFC, e Glover Teixeira, válida pela edição de número 267, que acontece em agosto, em Abu Dhabi (EAU), também é de extrema importância para a categoria. A curiosidade é que o americano já dominou o brasileiro e o polonês em seus tempos de UFC.