<
>

PSG: o alemão nada galáctico que foi de dispensável a artilheiro e fundamental para Pochettino

Defensor Thilo Kehrer chegou a integrar barca para deixar o PSG e agora é indispensável no elenco de Pochettino


Em um elenco estrelado, algumas peças não tão 'conhecidas' do Paris Saint-Germain têm tudo para atuar durante poucos minutos. Mas uma delas tem dado a volta por cima. Trata-se do defensor Thilo Kehrer.

O PSG entra em campo neste domingo (23) para enfrentar o Reims, às 16h45 (de Brasília), com transmissão ao vivo pela ESPN no Star+.

Com Hakimi na Copa Africana, o alemão se tornou fundamental desde que assumiu a lateral-direita e balançou as redes na vitória por 2 a 0 sobre o Brest e no empate em 1 a 1 com o Lyon pelo Campeonato Francês.

Kehrer já foi apontado como dispensável por algumas vezes e, em dezembro, chegou a integrar uma barca de jogadores que deixariam o Parque dos Príncipes para que o clube se adequasse às regras de fair play financeiro da Uefa. O que não aconteceu.

Na ocasião, segundo jornal L'Équipe, o time da capital francesa esperava propostas na casa dos 25 milhões de euros (R$ 160,63 milhões) pelo até então zagueiro.

O defensor foi contratado pelo PSG em 2018 junto ao Schalke 04. Na época, os franceses venceram a concorrência do Barcelona e desembolsaram cerca de 37 milhões de euros (cerca de R$ 162 milhões) pelo atleta, que assinou contrato com o PSG até a metade de 2023.

Nas três primeiras temporadas, Kehrer anotou apenas dois gols e deu duas assistências em 94 jogos disputados. Na atual, em apenas 20 partidas e em sua nova posição, o agora lateral já balançou as redes duas vezes.