<
>

Superagente revela jogo de Neymar que fez até seu médico se preocupar: 'Coração está bem?'

play
O incansável Daniel Alves segue treinando a todo vapor no Barcelona (0:24)

Daniel só vai poder fazer a sua reestreia pelo clube catalão quando a janela europeia abrir (0:24)

Neymar foi decisivo em partida decidida nos minutos finais, e Pini Zahavi sofreu com as fortes emoções


Pini Zahavi é um dos mais influentes empresários do futebol europeu. Representante de jogadores como Robert Lewandowski, ele teve papel fundamental na ida de Neymar ao PSG. E, anos após a transferência, ele segue bastante próximo ao estafe do brasileiro.

Em cenas de "Liderança", documentário lançado pela NR Sports, empresa responsável pela gestão de imagem da carreira de Neymar, nesta sexta-feira, o superagente assiste a um dos jogos da Champions League de 2019/20 ao lado do pai do jogador. E sofre bastante.

O conteúdo disponível no Youtube trata principalmente das quartas de final do torneio daquela temporada, quando o PSG acabou com o vice-campeonato europeu. Contra a Atalanta, a equipe de Neymar saiu atrás e foi buscar a virada com gol aos 45 minutos do segundo tempo e outro nos acréscimos.

"Esse jogo para mim... Eu tenho que contar... Meu médico me ligou e perguntou: 'Como você está? O seu coração está bem?' Eu disse para o Neymar (pai) durante o jogo: 'Talvez eu precise de uma ambulância'. Eu disse a ele: 'Preciso de uma ambulância' (risos)", relembrou.

Pini assistiu à partida ao lado do pai de Neymar em Cascais, em Portugal. O duelo aconteceu em Lisboa, que sediou a reta final da Champions, mas sem a presença de público, em razão da pandemia de COVID-19.

Além do momento de emoção nas quartas de final, Pini também exaltou a liderança de Neymar no PSG. "Ele dá 100% de si. Ele corre, luta, encoraja. Ele não tenta roubar o show, divide com todos. Ele não é egoísta."

"Neymar tem uma liderança que não é dada, você conquista. Aprendemos no mundo, na política, no exército, no futebol... Você não pode se forçar a ser o líder, você recebe isso. E ele recebeu de todos do PSG essa liderança."