<
>

Após vitória do PSG com polêmica do VAR, zagueiro rival desabafa: 'Assim é impossível'

Zagueiro do Angers, Romain Thomas detonou a atuação da arbitragem na partida contra o PSG após pênalti polêmico resultar no gol da derrota por 2 a 1


Líder isolado, o Paris Saint-Germain conquistou mais uma vitória pelo Campeonato Francês. Nesta sexta-feira (15), diante do Angers, o clube da capital venceu por 2 a 1 com gol de pênalti polêmico.

Aos 41 minutos do segundo tempo, com o placar empatado em 1 a 1, o árbitro Bastueb Depechy marcou pênalti para o PSG por toque de mão com a ajuda do VAR. A revisão pelo vídeo, porém, ignorou uma falta clara de Icardi, que levaria à anulação da penalidade máxima convertida por Mbappé.

Os jogos do Campeonato Francês têm transmissão ao vivo pela ESPN no Star+.

Após a partida, o zagueiro Romain Thomas, do Angers, desabafou sobre a atuação da arbitragem na derrota para o PSG. Thomas foi justamente o adversário derrubado por Icardi no lance do pênalti.

"É inacreditável o que aconteceu aqui. Perder por 2 a 1 aqui não é uma vergonha, mas assim é impossível".

"Fico irritado porque sou apaixonado, dedicado, faço tudo com atenção. Houve falta de Icardi no início do lance. Ele puxa meu braço, eu caio e depois ele participa do pênalti".

"Ele [Icardi] se beneficia pelo que acontece antes comigo para estar à frente dos defensores. Perguntei ao árbitro, ele me disse que foi verificado pelo pessoal do VAR. Isso não é verdade, é uma mentira".

Com o resultado desta sexta-feira, o PSG abriu vantagem na liderança do Campeonato Francês com 27 pontos. O vice-líder Lens tem 19 pontos, mas um jogo a menos. Enquanto isso, o Angers é o 4º colocado com 16.

O PSG volta a campo na próxima terça-feira (19), quando recebe o RB Leipzig pela Champions League. O Angers joga novamente na próxima sexta-feira (25) visitando o Saint-Étienne pela Ligue 1 Uber Eats.