<
>

Flamengo: Goleiro Hugo, eleito o melhor contra o Palmeiras, não jogava havia 9 meses e vai às lágrimas ao lembrar do pai

Palmeiras e Flamengo ficaram no 1 a 1 neste domingo, em duelo válido pela 12ª rodada do Brasileirão, no Allianz Parque. O jogo não teve mais em gols, em parte, por causa do goleiro Hugo Souza, de 21 anos.

O jovem foi chamado às pressas para a partida por conta do surto de COVID-19 que atingiu 16 jogadores do Flamengo, que também contava com outros três lesionados, um deles sendo o goleiro Diego Alves.

Em campo, correspondeu, se mostrou seguro e fez uma ótima defesa em uma cabeçada de Luiz Adriano. A transmissão da TV Globo até deu a ele o prêmio de melhor da partida.

Na entrevista após o jogo, à Globo, o jovem Hugo, que não atuava havia 9 meses, foi às lágrimas ao lembrar do pai recém-falecido.

"Não jogo faz 9 meses. A última partida que fiz foi no sub-20, a diferença é que meu pai estava na arquibancada na última partida me assistindo, hoje não tenho mais ele, perdi ele há 6 meses. Ele foi meu grande incentivador. Ele sempre deu tudo pra gente. Hoje foi a primeira vez que entrei em campo sem meu pai, ele não pôde ver pela TV, mas creio que ele está lá em cima pensando na gente", disse Hugo, às lágrimas.

"Eu entro em campo pensando em crescer na vida pela minha familia, tenho minha mãe, minha irmã, dois irmãos por parte de pai. Essa vitoria nao é só minha, é tudo que está em volta de mim. Sou novo, da base, tenho 12 anos de clube e uma oportunidade dessa não poderia deixar passar", completou.