<
>

Daniel Alves manifesta apoio a Neymar após suposto caso de racismo

Por meio das redes sociais, Daniel Alves se manifestou sobre o suposto caso de racismo sofrido por Neymar no último domingo, quando o Paris Saint-Germain enfrentou o Olympique de Marselha.

Os atletas atuaram juntos no futebol francês, Barcelona e Seleção Brasileira.

O camisa 10 do São Paulo repudiou a injúria racial, manifestou apoio a Neymar e aproveitou para mandar um conselho ao craque do PSG.

“No esporte assim como na vida, estamos para inspirar pessoas, para transformar vidas e não há espaço para pessoas que proclamam ódio ou racismo. Que você não se deixe guiar pelo ódio meu irmão, que você seja a paz e a bondade que você carrega na sua alma. O amor é a única forma de combater o ódio, mesmo que que fira momentaneamente nossa índole”, escreveu Dani Alves.

Em resposta à publicação de Dani Alves, Neymar afirmou: “Te amo, irmão”.

As supostas ofensas racistas sofridas por Neymar ocorreram na reta final da partida. De acordo com o brasileiro, o zagueiro Álvaro González o chamou de “macaco”.

O assunto gerou grande repercussão nas redes sociais, com diversas personalidades do esporte apoiando o camisa 10 do PSG.