<
>

Bola de Prata 2020, palpitão ESPN-FOX - Flamengo domina seleção, Bruno Henrique vence 'Gabigol' e Sampaoli desbanca Torrent e Renato

| VOLTAR PARA PÁGINA PRINCIPAL |

O Campeonato Brasileiro começa neste sábado (8), e com ele também tem início o Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet de 2020, a maior e mais importante honraria do futebol nacional.

E para já largar com tudo, o ESPN.com.br lançou um desafio a 17 profissionais de ESPN Brasil e FOX Sports: projetarem antes mesmo de a bola rolar suas seleções ideais do certame, assim como indicarem aqueles que acreditam que serão os melhores técnico e jogador [Bola de Ouro].

Acredite, eles toparam!

O único pedido para a brincadeira foi montar a equipe na formação 4-4-2, que será a adotada pela premiação este ano. O resto era por conta do participante, a seu gosto: o jogador que quisesse, sem limite de quantidade de atletas por time ou necessidade de citar mais de um clube.

E teve de tudo: de equipe montada com atletas de apenas duas agremiações como outras representadas por sete times diferentes.

Com todas as escolhas na mão, a reportagem tabulou os mais votados por posição e montou o time ideal, aquele que seria a seleção Bola de Prata de 2020, já com o técnico de preferência da maioria e também o mais indicado como craque da disputa. A escalação completa você vê já, já, abaixo.

Flamengo com sobras

Atual campeão brasileiro e dominante no Bola de Prata de 2019, o Flamengo sobrou nas indicações e contribuiu com mais da metade da equipe, que ainda tem representantes de outros quatro clubes.

Individualmente, os jogadores mais lembrados também foram do time carioca: Gabriel Barbosa, o 'Gabigol', e Gérson estiveram em 15 dos 17 times, seguidos por Éverton Ribeiro e Bruno Henrique (13 vezes cada). O atleta mais indicado de outra agremiação foi o lateral-esquerdo Guilherme Arana (11 citações), do Atlético-MG.

Entre os técnicos, Jorge Sampaoli acabou como o mais lembrado, desbancando o recém-chegado Domènec Torrent e ainda Renato Gaúcho e Eduardo Coudet.

A briga pela Bola de Ouro fictícia [mas que pode ser tranquilamente a disputa na vida real] foi acirradíssima entre os companheiros de Flamengo 'Gabigol' e Bruno Henrique, com o segundo levando a melhor por apenas uma indicação a mais [7 a 6].

Veja a 'seleção Bola de Prata 2020' (time ideal a partir da soma dos votos)
Cássio (Corinthians - 6 escolhas); Rafinha (Flamengo - 13 escolhas), Rodrigo Caio (Flamengo - 9 escolhas), Gustavo Gómez (Palmeiras - 8 escolhas) e Guilherme Arana (Atlético-MG - 11 escolhas); Gérson (Flamengo - 15 escolhas), Daniel Alves (São Paulo - 6 escolhas), Arrascaeta (Flamengo - 8 escolhas) e Éverton Ribeiro (Flamengo - 13 escolhas); Bruno Henrique (Flamengo - 13 escolhas) e 'Gabigol' (Flamengo - 15 escolhas)

  • Flamengo – 7

  • Atlético-MG - 1

  • Corinthians – 1

  • Palmeiras – 1

  • São Paulo - 1

Melhor técnico (a partir da soma dos votos): Jorge Sampaoli (Atlético-MG - 9 escolhas)
Bola de Ouro (a partir da soma dos votos): Bruno Henrique (Flamengo - 7 escolhas)

Abaixo, por ordem alfabética, você vê todos que participaram e conhece suas projeções de seleção Bola de Prata 2020:

1 - BREILER PIRES
Diego Alves (Flamengo); Fagner (Corinthians), Gustavo Gómez (Palmeiras), Rodrigo Caio (Flamengo) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Matheus Henrique (Grêmio), Gérson (Flamengo), Nathan (Atlético-MG) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Nikão (Athletico-PR) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 5

  • Atlético-MG - 2

  • Athletico-PR - 1

  • Corinthians - 1

  • Grêmio - 1

  • Palmeiras - 1

Melhor técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG)
Bola de Ouro: Éverton Ribeiro (Flamengo)

2 - CELSO UNZELTE
Cássio (Corinthians); Rafinha (Flamengo), Pedro Geromel (Grêmio), Rodrigo Caio (Flamengo) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Maicon (Grêmio), Gérson (Flamengo), Daniel Alves (São Paulo) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 6

  • Grêmio - 2

  • Atlético-MG - 1

  • Corinthians - 1

  • São Paulo - 1

Melhor técnico: Domènec Torrent (Flamengo)
Bola de Ouro: 'Gabigol' (Flamengo)

3 - CÍCERO MELLO
Cássio (Corinthians); Fagner (Corinthians), Pedro Geromel (Grêmio), Gil (Corinthians) e Reinaldo (São Paulo); Matheus Henrique (Grêmio), Gérson (Flamengo), Éverton Ribeiro (Flamengo) e Arrascaeta (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 5

  • Corinthians - 3

  • Grêmio - 2

  • São Paulo - 1

Melhor técnico: Renato Gaúcho (Grêmio)
Bola de Ouro: Bruno Henrique (Flamengo)

4 - EUGÊNIO LEAL
Weverton (Palmeiras); Rafinha (Flamengo), Rodrigo Caio (Flamengo), Victor Cuesta (Internacional) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Patrick de Paula (Palmeiras), Gérson (Flamengo), Savarino (Atlético-MG) e Soteldo (Santos); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 5

  • Atlético-MG - 2

  • Palmeiras - 2

  • Internacional - 1

  • Santos - 1

Melhor técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG)
Bola de Ouro: Gérson (Flamengo)

5 - GLÁUCIA SANTIAGO
Cássio (Corinthians); Rafinha (Flamengo), Léo Ortiz (Red Bull Bragantino), Pedro Geromel (Grêmio) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Carlos Sánchez (Santos), Gérson (Flamengo), Matheus Henrique (Grêmio) e Arrascaeta (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 5

  • Grêmio - 2 Atlético-MG - 1

  • Corinthians - 1

  • Red Bull Bragantino - 1

  • Santos - 1

Melhor técnico: Domènec Torrent (Flamengo)
Bola de Ouro: Bruno Henrique (Flamengo)

6 - HUGO BOTELHO
Cássio (Corinthians); Rafinha (Flamengo), Pedro Geromel (Grêmio), Gustavo Gómez (Palmeiras) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Patrick de Paula (Palmeiras), Gérson (Flamengo), Carlos Sánchez (Santos) e Arrascaeta (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 5

  • Palmeiras - 2

  • Atlético-MG - 1

  • Corinthians - 1

  • Grêmio - 1

  • Santos - 1

Melhor técnico: Renato Gaúcho (Grêmio)
Bola de Ouro: 'Gabigol' (Flamengo)

7 - JORGE NICOLA
Cássio (Corinthians); Mariano (Atlético-MG), Gustavo Gómez (Palmeiras), Pedro Geromel (Grêmio) e Filipe Luís (Flamengo); Allan (Atlético-MG), Gérson (Flamengo), Éverton Ribeiro (Flamengo) e Arrascaeta (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 6

  • Atlético-MG - 2

  • Corinthians - 1

  • Grêmio - 1

  • Palmeiras - 1

Melhor técnico: Domènec Torrent (Flamengo)
Bola de Ouro: Bruno Henrique (Flamengo)

8 - LEANDRO QUESADA
Cássio (Corinthians); Rafinha (Flamengo), Gil (Corinthians), Rodrigo Caio (Flamengo) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Patrick de Paula (Palmeiras), Gérson (Flamengo), Jean Pyerre (Grêmio) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 6

  • Corinthians - 2

  • Atlético-MG - 1

  • Grêmio - 1

  • Palmeiras - 1

Melhor técnico: Domènec Torrent
Bola de Ouro: 'Gabigol'

9 - LEONARDO BERTOZZI
Diego Alves (Flamengo); Rafinha (Flamengo), Victor Cuesta (Internacional), Gustavo Gómez (Palmeiras) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Allan (Atlético-MG), Gérson (Flamengo), Daniel Alves (São Paulo) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Savarino (Atlético-MG) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 5

  • Atlético-MG - 3

  • Internacional - 1

  • Palmeiras - 1

  • São Paulo - 1

Melhor técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG)
Bola de Ouro: 'Gabigol' (Flamengo)

10 - LUIZ CARLOS LARGO
Diego Alves (Flamengo); Rafinha (Flamengo), Rodrigo Caio (Flamengo), Junior Alonso (Atlético- MG) e Guilherme Arana (Atlético-MG); William Arão (Flamengo), Gérson (Flamengo), Arrascaeta (Flamengo) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 9

  • Atlético-MG - 2

Melhor técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG)
Bola de Ouro: 'Gabigol' (Flamengo)

11 - MARCELA RAFAEL
Tiago Volpi (São Paulo); Rafinha (Flamengo), Gustavo Gómez (Palmeiras), Victor Cuesta (Internacional) e Viña (Palmeiras); Matheus Henrique (Grêmio), Gérson (Flamengo), Arrascaeta (Flamengo) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 6

  • Palmeiras - 2

  • Grêmio - 1

  • Internacional - 1

  • São Paulo - 1

Melhor técnico: Eduardo Coudet (Internacional)
Bola de Ouro: Bruno Henrique (Flamengo)

12 - MÁRIO MARRA
Diego Alves (Flamengo); Rafinha (Flamengo), Junior Alonso (Atlético-MG), Rodrigo Caio (Flamengo) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Gérson (Flamengo), Alan Franco (Atlético-MG), Daniel Alves (São Paulo) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e Jô (Corinthians)

  • Flamengo - 6

  • Atlético-MG - 3

  • Corinthians - 1

  • São Paulo - 1

Melhor técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG)
Bola de Ouro: Éverton Ribeiro (Flamengo)

13 - PAULO ANDRADE
Weverton (Palmeiras); Fagner (Corinthians), Pedro Geromel (Grêmio), Rodrigo Caio (Flamengo) e Viña (Palmeiras); Patrick de Paula (Palmeiras), Gérson (Flamengo), Daniel Alves (São Paulo) e Arrascaeta (Flamengo); 'Gabigol' (Flamengo) e Jô (Corinthians)

  • Flamengo - 4

  • Palmeiras - 3

  • Corinthians - 2

  • Grêmio - 1

  • São Paulo - 1

Melhor técnico: Domènec Torrent (Flamengo)
Bola de Ouro: 'Gabigol'

14 - RAPHAEL PRATES
Santos (Athletico-PR); Mariano (Atlético-MG), Rodrigo Caio (Flamengo), Gustavo Gómez (Palmeiras) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Tchê Tchê (São Paulo), Maicon (Grêmio), Allan (Atlético-MG) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Soteldo (Santos) e Bruno Henrique (Flamengo)

  • Atlético-MG - 3

  • Flamengo - 3

  • Athletico-PR - 1

  • Grêmio - 1

  • Palmeiras - 1

  • São Paulo - 1

  • Santos - 1

Melhor técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG)
Bola de Ouro: Bruno Henrique (Flamengo)

15 - RODRIGO BUENO
Gatito (Botafogo); Rafinha (Flamengo), Pedro Geromel (Grêmio), Gustavo Gómez (Palmeiras) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Cantillo (Corinthians), Daniel Alves (São Paulo), Jean Pyerre (Grêmio) e Éverton Ribeiro (Flamengo); Keno (Atlético-MG) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 3

  • Atlético-MG - 2

  • Grêmio - 2

  • Botafogo - 1

  • Corinthians - 1

  • Palmeiras - 1

  • São Paulo - 1

Melhor técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG)
Bola de Ouro: Éverton Ribeiro (Flamengo)

16 - UBIRATAN LEAL (BIRA)
Marcelo Lomba (Internacional); Rafinha (Flamengo), Rodrigo Caio (Flamengo), Kannemann (Grêmio) e Filipe Luís (Flamengo); Jair (Atlético-MG), Gérson (Flamengo), Éverton Ribeiro (Flamengo) e Nathan (Atlético-MG); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 7

  • Atlético-MG - 2

  • Grêmio - 1

  • Internacional - 1

Melhor técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG)
Bola de Ouro: Bruno Henrique (Flamengo)

17 - VITOR BIRNER
Weverton (Palmeiras); Rafinha (Flamengo), Gustavo Gómez (Palmeiras), Victor Cuesta (Internacional) e Filipe Luís (Flamengo); Gérson (Flamengo), Daniel Alves (São Paulo), Éverton Ribeiro (Flamengo) e Arrascaeta (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo) e 'Gabigol' (Flamengo)

  • Flamengo - 7

  • Palmeiras - 2

  • Internacional - 1

  • São Paulo - 1

Melhor técnico: Jorge Sampaoli (Atlético-MG)
Bola de Ouro: Bruno Henrique (Flamengo)