<
>

Palmeiras vence Sampaio Corrêa por 1 a 0 fora de casa e coloca um pé nas quartas da Copa do Brasil

Em uma partida de pouca qualidade técnica, o Palmeiras venceu o Sampaio Corrêa por 1 a 0, nesta quarta-feira, em São Luís-MA, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

O time de Luiz Felipe Scolari usou uma formação praticamente toda reserva, com apenas Felipe Melo no 11 inicial. Na segunda etapa, Deyverson e Dudu entraram.

O meia Lucas Lima, por sua vez, teve mais uma oportunidade na temporada, mas jogou muito mal e deixou o campo vaiado ao ser substituído por Felipe Pires.

Quando parecia que a partida terminaria empatada, Moisés soltou uma bomba em cobrança de falta, já aos 46 do 2º tempo, e contou com a falha do goleiro Andrey para fazer o único tento da partida.

Com o placar, a equipe paulista depende apenas de um empate para ir às quartas de final.

As equipes voltam a se encontrar na próxima quinta-feira, dia 30 de maio, no Allianz Parque, às 20h (de Brasília).

Antes, o Verdão joga neste sábado contra o Botafogo, pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Mané Garrincha, em Brasília.

O Sampaio, por sua vez, recebe o Ferroviário, neste domingo, pela Série C.

O JOGO

A partida começou equilibrada no Castelão, mas os muitos erros de passes das duas equipes impediam chegadas mais agudas.

Só aos 16 os torcedores se levantaram das arquibancadas: Moisés ganhou a jogada pela esquerda e cruzou, com Arthur ficando a centímetros de completar para as redes.

Pouco depois, o Verdão puxou contra-ataque e Lucas Lima deu ótimo passe enfiado para Carlos Eduardo. Ele tirou do goleiro Andrey, mas seu chute beliscou a trave e saiu.

A resposta do Sampaio Corrêa veio aos 31, quando Salatiel recebeu em boa posição na área e tentou de esquerda, mas viu Antônio Carlos travar em cima da hora.

Na cobrança do escanteio na sequência, Fernando Prass errou a saída e quase Salatiel marcou de cabeça.

A melhor chance da primeira etapa veio aos 36: em cobrança de falta, Hyoran ia acertando no ângulo, mas viu Andrey fazer defesa espetacular e impedir - a bola ainda bateu na trave após a espalmada do goleiro.

Até o apito final, o duelo seguiu bastante trucado, com bola rolando em apenas 42% do tempo.

Na volta do intervalo, o clube da casa criou o primeiro grande lance: Cleitinho aproveitou sobra aos 2 minutos e bateu colocado da entrada da área, exigindo boa defesa de Prass.

Pouco depois, aos 8, foi a vez do Palmeiras: Carlos Eduardo recebeu pela direita da área e tentou cruzado, passando perto de marcar.

A partida melhorou em relação ao primeiro tempo, e o Sampaio teve outra grande oportunidade aos 17, quando Salatiel bateu forte, quase na pequena área, e viu Fernando Prass salvar.

O técnico Luiz Felipe Scolari tentou mudar a partida com as entradas de Dudu e Felipe Pires nos lugares Hyoran e Lucas Lima (que saiu vaiado).

O futebol não melhorou muito, mas o gol palestrino acabou saindo em uma cobrança de falta.

Já nos acréscimos, Moisés disparou de longe e contou com a falha do goleiro Andrey para anotar o tento da vitória do Palmeiras.

FICHA TÉCNICA
SAMPAIO CORRÊA 0 x 1 PALMEIRAS

Local: Estádio Castelão, em São Luís-MA
Data: 21 de maio de 2019, quarta-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo D’Alonso Ferreira (SC)
Assistentes: Hélton Nunes e Alex dos Santos (ambos SC)
VAR: Rafael Traci (SC)
Cartão amarelo: Douglas Assis (SAM)

GOL
PALMEIRAS: Moisés, aos 46 minutos do segundo tempo

SAMPAIO CORRÊA: Andrey; Éverton, Douglas Assis, Moisés Lucas e Felipe Dias; Eloir, Diones, Dedé e Cleitinho (Esquerdinha); João Paulo (Gustavinho) e Salatiel Técnico: Julinho Camargo

PALMEIRAS: Fernando Prass; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luís; Felipe Melo, Moisés e Lucas Lima (Felipe Pires); Hyoran (Dudu), Carlos Eduardo e Arthur Cabral (Deyverson) Técnico: Luiz Felipe Scolari