<
>

Real Madrid leva goleada em casa do Ajax e é eliminado no pior vexame de sua história na Champions

play
Real Madrid é atropelado por Ajax, Neres e Tadic brilham e merengues dão adeus à Champions no Santiago Bernabéu (1:09)

Os holandeses venceram por 4 a 1 na casa do adversário e garantiram a pior derrota dos espanhois em casa na comeptição (1:09)

O Real Madrid protagonizou o maior vexame de sua história na Uefa Champions League. Após vencer na Holanda por 2 a 1, a equipe merengue levou uma goleada do Ajax por 4 a 1 em pleno Santiago Bernabéu, foi eliminada ainda nas oitavas de final e deu adeus ao sonho de conquistar o tetracampeonato seguido do torneio continental.

A pior derrota dos espanhóis em seus domínios na Liga dos Campeões havia ocorrido na fase de grupos da atual temporada, quando levou 3 a 0 do CSKA. Foi o quarto revés seguido em casa dos comandados por Santiago Solari.

O Real não é eliminado nesta fase da competição desde a temporada 2009/2010, quando caiu para o Lyon. Desde então, a equipe sempre chegou às semifinais.

Já os holandeses não avançavam às quartas desde a temporada 2002/2003.

Começo arrasador

Os visitantes abriram o placar logo aos seis minutos de partida. Kroos perdeu a bola na intermediária, e o Ajax saiu em contra-ataque com Tadic. O sérvio entrou na área e passou para Ziyech, que chegou chutando no canto.

O Ajax chegou ao segundo gol aos 17 minutos. Tadic fez grande jogada individual pela direita, passou por três marcadores e deu passe para David Neres. O brasileiro apareceu nas costas da zaga, venceu a marcação de Modric, deixou Courtois no chão e tocou para o fundo das redes.

O ex-atacante do São Paulo quase marcou outra vez. Aos 21, Tadic dividiu no meio e lançou David Neres, que passou por Modric e chutou de cobertura, mas a bola foi para fora.

Aos 22, foi a vez do Real quase diminuir. Vinicius Junior fez jogada pela esquerda e tocou para Benzema, que chutou com força, mas Onana fez ótima defesa.

Pouco depois, Lucas Vázquez saiu machucado na primeira etapa e em seu lugar entrou o contestado Gareth Bale.

O ex-atacante do Flamengo saiu em contra-ataque e dominou no meio de campo, aos 30. Após arrancar, deixou a marcação para trás e entrou na área. Ele chutou cruzado, mas a bola bateu nas redes pelo lado de fora.

Vinicius machucado

Apenas um minuto depois, Vinicius Jr. saiu com tornozelo direito lesionado do gramado, aos 31. O garoto foi recentemente convocado para a seleção brasileira pelo técnico Tite para amistosos em março.

Ele saiu mancando e chorando e em sua vaga entrou Marco Asensio.

No segundo tempo, o jogo continuou eletrizante. O Real Madrid foi com tudo para o ataque. Aos três, Asensio desperdiçou boa chance. Logo em seguida, Benzema recebeu na área, girou e chutou de primeira. A bola subiu muito e foi por cima do gol.

A resposta do Ajax veio um minuto depois. Nacho saiu jogando errado, e David Neres recuperou e tocando para Tadic. O camisa 10 passou para Van de Beek, que bateu cruzado. O goleiro Courtois fez ótima defesa.

Tadic brilhou

O Ajax anotou um golaço aos 16. Reguilón perdeu a bola na esquerda, e na sequência Tadic recebeu passe de Van de Beek. O sérvio dominou e chutou colocado. O árbitro consultou o VAR para ver se a bola havia saído na lateral, mas ele confirmou o gol.

Logo em seguida, o Real parou na defesa de Onana, que defendeu chute cruzado de Bale com a perna.

O único gol da equipe merengue saiu aos 24. Reguilón fez boa jogada na esquerda e cruzou para Asensio, que bateu colocado no cantinho.

A reação durou pouco. O quarto gol saiu aos 25. Schöne cobrou falta do lado esquerdo com efeito. A bola encobriu Courtois.

Antes do apito final, o time mrengue ainda teve outras baixas. Bale sentiu uma lesão no final da partida e ficou mancando no gramado. Nacho foi expulso de campo após entrada dura nos acréscimos do segundo tempo.