<
>

Mbappé fala pela primeira vez após a renovação, faz promessa à torcida do PSG e manda recado: 'Sempre disse que Paris é minha casa'

Mbappé era esperado no Real Madrid, mas renovou contrato com o PSG até 2025


Chegou ao fim uma das novelas mais longas do mercado da bola europeu dos últimos meses. Neste sábado (21), o Paris Saint-Germain anunciou em suas redes sociais que Kylian Mbappé vai permanecer no clube até 2025.

O astro era amplamente esperado para se mudar para o Real Madrid neste verão. Mas, conforme antecipado pela ESPN, mudou de ideia e decidiu estender seu contrato com o time parisiense, inicialmente válido até de 30 junho.

No gramado do Parque dos Príncipes, antes da partida contra o Metz, pela última rodada do Campeonato Francês e que terá transmissão ao vivo pela ESPN no Star+, o atacante falou pela primeira vez com a torcida após o anúncio da renovação.

"Estou muito feliz por continuar a aventura, por ficar aqui na França na minha cidade, sempre disse que Paris é a minha casa. E espero fazer o que mais amo no mundo: jogar futebol e ganhar títulos", disse o astro.

Quem sai frustrado é o Real Madrid, que estava há um ano em contato permanente com o representante do jogador. Na temporada passada, o PSG rejeitou uma série de ofertas de cerca de 200 milhões de euros, mais de R$ 1,2 bilhão pelo atacante, que teria prometido a Florentino Pérez, presidente do Real, que se juntaria a eles como um jogador livre, após o término de seu vínculo com a equipe francesa.

No entanto, o PSG estava determinado a convencer Mbappé a ficar, e fontes disseram à ESPN que os franceses ofereceram a ele termos muito melhores em um novo acordo que era financeiramente mais atraente do que a oferta do Real Madrid, em um esforço para garantir uma mudança de opinião.

Ambos os clubes estavam confiantes em vencer a disputa pelo atacante, mas a falta de confirmação do estafe de Mbappé, bem como seu comportamento público e declarações nas últimas semanas, levaram a incertezas de ambos os lados.

O Real Madrid esteve perto de contratar o camisa 9 em 2017, depois que ele atuou pelo Monaco na campanha para as semifinais da Champions League, mas o atacante optou por assinar com o PSG, para onde se mudou por uma taxa recorde mundial por um adolescente.

Desde que ingressou, marcou 168 gols em todas as competições, perdendo apenas para Edinson Cavani na lista de artilheiros de todos os tempos do PSG. Mbappé conquistou quatro títulos da liga no clube - em 2018, 2019, 2020 e 2022 - além de chegar à final da Champions em 2020.

Este mês, Mbappé foi eleito o jogador do ano da Ligue 1 pela terceira vez, depois de marcar 25 gols e 17 assistências na conquista do título do PSG. Na Champions, o PSG terminou em segundo em seu grupo atrás do Manchester City antes de ser eliminado pelo Real Madrid nas oitavas de final.

Agora, depois de recusar o Real Madrid mais uma vez, o atacante vai para a sua sexta temporada no clube francês.