<
>

Vettel revela o que conversou com Hamilton após sétimo título na F1 e o define como 'maior da era moderna'

O tetracampeão mundial Sebastian Vettel exaltou Lewis Hamilton como o maior de sua geração depois que o piloto da Mercedes comemorou seu sétimo título da Fórmula 1 com a vitória no molhado Grande Prêmio da Turquia no domingo (15).

O alemão foi rápido em parabenizar seu rival britânico depois que Hamilton igualou o recorde de sete títulos do ex-Ferrari, Michael Schumacher, e, com 94 vitórias sem precedentes, tornou-se o piloto de maior sucesso na história do esporte.

"Eu disse a ele que é muito especial para nós, porque podemos testemunhar a história sendo feita hoje", disse Vettel, terceiro colocado, a repórteres, quando questionado sobre o que havia dito a Hamilton depois de sair do carro.

“Ele é o maior da nossa era, com certeza. Acho que sempre é difícil comparar (eras). Como você pode comparar (Juan Manuel) Fangio e Stirling Moss com a nossa geração? Não pode”.

"Não importa. Acho que cada era tem seus pilotos, e Lewis é o maior de nossa era", continuou o piloto da Ferrari, que conquistou seus títulos com a Red Bull de 2010 a 2013 e esperava aumentar eles na Ferrari.

“Para mim, emocionalmente, Michael sempre será o melhor piloto, mas não há dúvida de que Lewis é o maior em termos de suas conquistas. Ele igualou os campeonatos, tem mais corridas ganhas, tem muito mais poles", apontou.

Hamilton quebrou o recorde de Schumacher de 91 vitórias com sua 92ª em Portugal no mês passado.

Vettel disse que a corrida de domingo, em uma pista molhada e escorregadia que pegou muitos pilotos, foi a prova do extraordinário talento de Hamilton.

"Provavelmente, se formos honestos, não era uma corrida para vencer, e ele ainda venceu", disse o alemão, que está deixando a Ferrari no final do ano.

"Mais uma vez, ele conseguiu tirar algo especial dessa bolsa e, portanto, acho que ele merece tudo o que conquistou."