<
>

Denílson revela o que ouviu de companheiros da seleção após 'enfileirar' turcos na Copa de 2002: 'Respirei porque tava f***'

play
20 anos de Brasil x Turquia: Ronaldo explica corte 'cascão' que surpreendeu o mundo na Copa de 2002; VEJA (1:18)

No Resenha ESPN, Fenômeno lembra quando decidiu mudar o visual na campanha do Penta (1:18)

Em entrevista ao podcast 'Fala, Brasólho', do Desimpedidos, o ex-jogador da seleção brasileira relembrou o icônico lance da semifinal


Pentacampeão do mundo com a seleção brasileira em 2002, o ex-jogador Denílson foi o responsável por protagonizar um dos lances mais icônicos da história das Copas. Na semifinal, contra a Turquia, ele enfileirou quatro jogadores rivais na área do Brasil e, apesar do 'risco', não perdeu a bola e ainda por cima recebeu a falta.

Durante o podcast Fala, Brasólho, do canal Desimpedidos, no Youtube, Denílson lembrou do lance, protagonizado aos 44 minutos do 1° tempo da partida contra os turcos, quando o Brasil já vencia por 1 a 0, com gol de Ronaldo, e revelou alguns bastidores. Entre eles, envolvendo os seus companheiros de seleção que jogavam do meio-campo para trás.

"A minha jogada foi p***. Eu achei que tivesse recebido a bola muito mais longe do gol, eu fico revendo (o lance) e cada vez eu estou mais perto do gol (risos). Eu estou dentro da área quando vou para o escanteio. É uma jogada do c***. Ontem caiu a minha ficha de que Deus foi generoso comigo, eu sempre me destaquei pelo meu drible, eu não poderia ficar marcado se não fosse por uma jogada assim", começou por dizer.

"Eu sou um cara que estou marcado em uma Copa do Mundo por causa de um lance individual. Foi (produtivo). Estávamos levando uma pressão naquele jogo, semifinal, rivalidade, tinha uma rivalidade do primeiro jogo (na fase de grupos) que eles começaram ganhando e a gente vira (para 2 a 1), os caras estavam mordidos. Automaticamente, aquela jogada é emblemática, mas foi produtiva", prosseguiu.

"Se você perguntar para os caras do meio-campo para trás eles vão falar 'respirei, porque estava f***'. O Cafu já me falou isso, Edmílson. A gente tirou uma onda, mas respiramos. Eu fico feliz porque sou o protagonista (do lance)", finalizou.

Após a vitória sobre a Turquia, o Brasil se classificou para a final, contra a Alemanha. Foi quando a estrela de Ronaldo 'Fenômeno' brilhou, e o camisa 9 balançou as redes duas vezes na decisão, trazendo o pentacampeonato para a seleção brasileira.