<
>

Especulada no UFC e Bellator, Kayla Harrison surpreende e encaminha renovação com o PFL

play
Dana White fala sobre chance de Jon Jones lutar pelo título dos pesados no UFC: 'É tudo parte do drama' (1:00)

Presidente do UFC concedeu entrevista exclusiva à ESPN (1:00)

Estrela do MMA deve renovar seu vínculo com o PFL, organização na qual é bicampeã do torneio do peso-leve


Agente livre no mercado do MMA desde o fim de 2021, Kayla Harrison vivia com seu nome especulado para assinar contrato com o UFC ou Bellator, para poder realizar combates contra as maiores estrelas destas organizações. No entanto, parece que o futuro da americana, por ora, está longe destas companhias.

De acordo com o jornalista Ariel Helwani, em seu artigo no site ‘Substack’, a campeã olímpica de judô deve renovar seu vínculo com o PFL, a organização na qual fez suas principais lutas nas artes marciais mistas e onde é bicampeã do torneio do peso-leve.

O jornalista adiantou que o contrato com o PFL ainda não foi assinado, mas eles estão na frente do Ultimate e do Bellator na corrida para sacramentar a permanência da americana por mais um ano na empresa.

No fim de 2021, existia a possibilidade de Kayla Harrison acertar com o UFC para realizar uma superluta diante de Amanda Nunes. No entanto, com a perda do título do peso-galo (61 kg) da brasileira, parece que o plano da liga liderada por Dana White se esfriou e, dessa maneira, deu margem para um novo acerto com o PFL.

Kayla Harrison, que atua no MMA profissional desde 2018, segue invicta na modalidade após 11 lutas e é a atual campeã do torneio do peso-leve do PFL. Antes de se aventurar na modalidade, a ex-judoca conquistou o bicampeonato olímpico ao garantir medalhas de ouro nas Olimpíadas de Londres, em 2012, e do Rio de Janeiro, em 2016.