<
>

UFC 254: Treinador admite surpresa com aposentadoria de Khabib

No último sábado (24), Khabib Nurmagomedov surpreendeu o mundo novamente. O russo, que estava acostumado a impressionar o público com suas atuações dentro do octógono, dessa vez chocou a todos com a notícia de que estava se aposentando do MMA após derrotar Justin Gaethje e defender o cinturão do peso-leve (70 kg) do UFC. E pelo visto, nem a própria equipe do russo esperava por essa decisão.

Em entrevista à ‘Submission Radio’, Javier Mendez, um dos treinadores de Khabib na ‘AKA’, revelou que foi pego de surpresa com a decisão do russo. De acordo com seu relato, a expectativa era a de que o campeão do Ultimate fosse realizar pelo menos mais uma luta em sua carreira para tentar somar 30 vitórias e nenhuma derrota em seu cartel profissional na modalidade, como era o plano de seu pai.

“Eu soube disso quando ele estava fazendo o discurso. Meu queixo caiu. Eu estava tipo, ‘O quê ?!’ Tudo isso foi um choque total para mim. Eu estava pensando, ‘Oh cara, o plano do pai. Ótimo.’ Mas o plano da mãe acabou dando certo, pois o desejo da mãe era que ele não lutasse sem o pai, e foi o que ele fez”, adiantou o treinador.

“Esse esporte não é de longevidade. Ele entrou e está saindo no momento em que acha que é o certo para ele e sua família. Obviamente eu gostaria que ele fizesse 30-0 como o pai queria, mas ele ama tanto a mãe e a família que decidiu que não”, concluiu.

Recentemente, o UFC lidou com algumas reclamações de atletas que pleiteavam melhores bolsas, como nos casos de Jon Jones e Jorge Masvidal. Porém, para Mendez, a questão financeira não pesa nas decisões de Khabib e ele não mudaria de ideia sobre a aposentadoria caso recebesse uma oferta maior para retornar ao octógono.

“Financeiramente ele está bem. Ele não é um homem ganancioso. E vocês sabem que se ele lutasse mais uma vez, teria sido uma bolsa monstruosa. Mas, obviamente, família significa mais para ele do que dinheiro em tudo o que ele faz”, completou.

Um sua última luta no MMA, Khabib Nurmagomedov defendeu seu cinturão peso-leve com sucesso pela terceira vez, ao finalizar Justin Gaethje no segundo round da luta principal do UFC 254, realizado na ‘Ilha da Luta’, em Abu Dhabi (EAU), no último sábado. O russo deixa o esporte aos 32 anos, com um cartel de 29 vitórias e nenhuma derrota.