<
>

UFC 250: Irmão de Durinho, Herbert Burns atropela, finaliza em menos de um minuto e meio e segue voando

play
UFC 250: Americano 'perde' um olho logo no 1º round, mas consegue virada e vitória incrível (0:47)

Devin Clark começou mal, mas virou e venceu Alonzo Menifield na decisão unânime (0:47)

O Brasil começou com tudo no UFC 250. Logo na primeira luta da noite, Herbert Burns, irmão de Gilbert Durinho, atropelou o norte-americano Evan Dunham e conseguiu uma finalização com um mata-leão em apenas um minuto e 20 segundos.

Dunham até começou tentando surpreender na trocação. Mas Herbert rapidamente colocou a luta em sua especialidade. Encurtou, derrubou, pegou as costas, encaixou o mata-leão e ainda fez um belíssimo movimento no chão para terminar a finalização.

A única má notícia foi uma lesão no pé, que o fez sair mancando do octógono.

“Acho que na hora que eu tentei empurrá-lo na grade, cortou o meu pé. Está sangrando e um pouco inchado”, disse.

Herbert Burns segue voando no UFC. Em três lutas, três vitórias que não passaram de três minutos: uma chave de braço em 2:29 contra Darrick Minner no Contender Serie, um nocaute com 2:43 diante de Nate Landwehr e agora o mata leão em 1:20 contra Dunham.

Veja todos os resultados do UFC: Nunes vs Spencer

CARD PRINCIPAL

Amanda Nunes (BRA) venceu Felicia Spencer (CAN) na decisão unânime dos jurados (50-44, 50-44 e 50-45)
Cody Garbrandt (EUA) nocauteou Raphael Assunção (BRA) com 4:59 do 2º round - galos
Aljamain Sterling (EUA) finalizou Cory Sandhagen (EUA) com um mata-leão com 1:28 do 1º round - galos
Neil Magny (EUA) venceu Anthony Rocco Martin (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 29-28) - meio-médios
Sean O'Malley (EUA) nocauteou Eddie Wineland (EUA) com 1:54 do 1º round - galos

CARD PRELIMINAR

Alex Caceres (EUA) venceu Chase Hooper (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-27) - penas
Ian Heinisch (EUA) nocauteou Gerald Meerschaert (EUA) com 1:14 do 1º round - médios

Cody Stamann (EUA) venceu Brian Kelleher (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 30-27 e 30-27) - penas
Maki Pitolo (EUA) nocauteou Charles Byrd (EUA) com 1:10 do 2º round - médios
Alex Perez (EUA) nocauteou Jussier Formiga (BRA) com 4:06 do 1º round - moscas
Devin Clark (EUA) venceu Alonzo Menifield (EUA) na decisão unânime dos jurados (30-27, 29-28 e 29-28) - meio-pesados
Herbert Burns (BRA) finalizou Evan Dunham (EUA) com um mata-leão com 1:20 do 1º round - peso combinado