<
>

Flamengo: empresário revela três clubes brasileiros que tentaram Rodinei e explica por que negócio não saiu

Segundo o agente do lateral de 29 anos, São Paulo, Fluminense e Internacional demonstraram interesse em Rodinei, mas nenhum dos clubes chegou à quantia desejada pelo Flamengo


Entre os nomes mais antigos do atual plantel do Flamengo, o lateral-direito Rodinei, que chegou ao Rubro-Negro em 2016, segue atraindo o interesse de outros clubes. Quem garantiu foi o empresário do jogador, Ricardo Scheidt, em entrevista ao site GE, nesta quinta-feira (27).

De acordo com o agente, nesta janela de transferências do início do ano, Rodinei foi um dos atletas "mais assediados do mercado" e justificou. Segundo ele, São Paulo, Fluminense e Internacional procuraram pelo lateral, enquanto no exterior, o Charlotte FC, da Major League Soccer (MLS), também demonstrou interesse.

"Nessa janela acho que o Rodinei foi o jogador mais assediado do mercado. Acho totalmente justo pelo atleta que é. Teve várias procuras. Primeiro a do Charlotte, que é um time novo da MLS. O treinador é o Miguel Ángel Ramírez, que trabalhou com ele no Inter. Eles fizeram um oferta, queriam empréstimo, o que impossibilitava, porque o contrato do Rodinei (com o Flamengo) acaba no fim do ano. Mesmo assim, ainda tentei aparar as arestas, no sentido de fazer uma transferência definitiva, mas deixando um percentual, mas as regras da MLS impediam. Eles têm umas regras pra comprar jogadores acima de uma determinada idade. É um monte de regras, que até eu que trabalho com futebol, não conheço todas. Mas eles tinham um limite para a operação e que extrapolava com salário e mais tendo que pagar o Flamengo. Acabou não dando certo", começou por dizer.

Sobre o interesse do trio brasileiro, Scheidt revelou que São Paulo, Fluminense e Internacional tentaram chegar a um acordo pelo lateral, mas que nenhum chegou ao valor pedido pelo Rubro-Negro: 1 milhão de dólares (R$ 6,1 milhões nas cifras atuais).

"Aí tivemos a procura do Inter, do Fluminense e do São Paulo. São Paulo e Inter fizeram consultas e ofertas para o Flamengo, e o Fluminense também procurou o Flamengo para tentar se acertar com eles", disse.

"O Flamengo pede um valor e nenhum dos clubes chegou a esse valor. O Flamengo pede 1 milhão de dólares para liberar ele já e nenhum dos times chegou a isso", finalizou.

Vale lembrar que Rodinei tem vínculo com o Flamengo apenas até o final do ano. Em 2020, o lateral teve uma passagem pelo Internacional, mas voltou ao Rubro-Negro no ano passado, quando disputou 23 jogos, marcou 1 gol e ainda deu 4 assistências.