<
>

Palmeiras recebe oferta de R$ 73 milhões por Giovani, destaque em título da Copa São Paulo; veja os detalhes

Palmeiras recebeu nos últimos dias uma oferta formal vinda da Europa pelo ponta-direita Giovani, de 18 anos


O Palmeiras tem em mãos uma oferta de 12 milhões de euros, cerca de R$ 73 milhões, pelo ponta-direita Giovani, um dos destaques do time campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O ESPN.com.br apurou a informação nesta quarta-feira (26), mas não obteve acesso ao clube europeu que deseja a revelação.

O que ainda impede um fechamento do acordo é que o Palmeiras só aceita negociar 70% dos direitos econômicos do atleta. No entanto, o clube estrangeiro tenta forçar uma negociação por 100%, algo completamente rechaçado neste momento pelo Verdão.

A multa rescisória de Giovani é de 60 milhões de euros, cerca de R$ 368 milhões. No entanto, o Palmeiras aceita fechar a negociação por um valor bem inferior ao da multa. Mas, a ideia do time paulista é manter uma porcentagem alta do garoto para o caso de uma venda futura.

O ESPN.com.br trouxe há algumas semanas que o ponta-direita havia recebido uma oferta formal do Grupo City de 8 milhões de euros, cerca de R$ 49 milhões, considerada baixa demais pela diretoria do Palmeiras.

A reportagem apurou na última terça-feira (25) informações a respeito da situação do ponta-direita do Palmeiras, que deve receber cada vez mais oportunidades do técnico Abel Ferreira no Campeonato Paulista de 2022. O ponta-direito é visto como um dos mais 'prontos' para subir de vez ao profissional.

Giovani ainda é monitorado por Juventus, Barcelona, Atlético de Madrid, Benfica e Monaco. Todos esses clubes acompanham o desenvolvimento do garoto, mas, de momento não houve nenhuma proposta oficial nova ao Palmeiras.

Conforme antecipado pelo ESPN.com.br, Giovani faz parte dos nomes que serão utilizados nas próximas rodadas do Campeonato Paulista. Existe uma expectativa que alguns garotos sejam incluídos na chamada 'lista B' do Palmeiras para o futuro da equipe no Estadual.