<
>

Flamengo venderá campeão da Libertadores por apenas R$ 5,6 milhões, diz site; valor é 4,5 vezes menor do que quantia de compra

Volante está a caminho do Cerro Porteño. Clube paraguaio disputará a Libertadores de 2022


Como trouxe a ESPN nos últimos dias, o Flamengo vai negociar o volante Piris da Motta com o Cerro. Segundo o site GE, o valor será de US$ 1 milhão, cerca de R$ 5,6 milhões.

E o valor da venda do jogador corresponde a 4,5 vezes menos do total que o Flamengo pagou para tê-lo em 2018. Na época, o Rubro-Negro desembolsou R$ 25,87 milhões para tirá-lo do San Lorenzo.

Em 2018, Piris da Motta foi o segundo reforço mais caro do Flamengo, atrás apenas de Vitinho, que custou R$ 53,9 milhões em negócio feito com o CSKA Moscou, da Rússia.

O jogador, que se reapresentou normalmente na última segunda-feira (10) junto com o restante do elenco para o início da pré-temporada deve rescindir o contrato nesta terça.

Dando sequência ao processo de transferência, rumará a Assunção, capital do Paraguai, para realizar exames médicos no Cerro Porteño e assinar contrato. O clube paraguaio disputará a próxima edição da Conmebol Libertadores.

Na apresentação do técnico Paulo Sousa, Marcos Braz, vice de futebol do Flamengo, já havia aberto o jogo sobre o pedido feito por Piris da Motta para deixar o clube.

"O jogador externou que gostaria de sair, nós tivemos uma proposta do Cerro. Flamengo avalia, já está tratando desse assunto, mas como é uma negociação em curso, não vamos falar desse assunto. Mas ela existe. Negociação em curso, não sei se vai para frente ou não, mas tem muita chance. Flamengo e Cerro tem histórico de negociação. Há muito tempo atrás, o El Tigre Ramírez veio para cá. A gente espera que dê certo, mas não vou me alongar porque a negociação está em curso".

Bicampeão carioca e campeão do Campeonato Brasileiro e da Libertadores em 2019, Piris da Motta realizou 57 jogos com a camisa do Flamengo e não marcou gols. O paraguaio de 27 anos retorna ao seu país após seis anos.