<
>

Champions Asiática: Zagueiro celebra estreia do BG Pathum no torneio antes de duelo decisivo

Estreando na AFC Champions League, o BG Pathum conseguiu uma classificação histórica para as oitavas de final, nesta quarta-feira (15), às 5h30 (de Brasília), com transmissão exclusiva pela ESPN no Star+.

O time viaja para a Coreia do Sul para enfrentar o Jeonbuk Hyundai. Zagueiro titular e capitão da equipe, Victor Cardozo celebrou a campanha, em entrevista exclusiva ao ESPN.com.br.

"Fizemos uma ótima primeira fase e ficamos bastante felizes com o resultado. Sabemos que numa competição de tiro curto, muitas vezes não jogaremos bem, ou oscilaremos do primeiro para o segundo tempo, mas o que importa é vencer”, disse.

“O BG está estreando na fase de grupos da AFC e ainda assim realiza uma campanha deste nível, isso é um grande feito para nós. Estamos satisfeitos com o que já foi alcançado, mas queremos mais", completou.

Na fase de grupos, o time ficou em segundo no grupo F, atrás do atual campeão Ulsan Hyundai, favorito ao título na visão de Victor. Na Tailândia, porém, nenhum time conquista o troféu desde 1995. Atual campeão nacional, o zagueiro celebrou seu momento no país.

“Sem dúvida. Fui campeão nacional, artilheiro do time, top 5 de artilheiros no campeonato, integrante da zaga menos vazada em toda a história da liga e ainda bati outros recordes. Tudo isso credencia essa temporada como a melhor da minha carreira, graças a Deus. Seguirei bastante focado, pois agora a expectativa é maior. Desejo continuar fazendo história aqui”, afirmou.

Uma das grandes inspirações do atleta é Fábio Luciano, ídolo de Corinthians e Flamengo. Seus colegas, porém, olham para outro ex-defensor como mais parecido com ele em campo.

“Fábio Luciano é o meu zagueiro favorito, não só pela bola que jogava, mas por sua liderança também. Ele foi um dos melhores defensores que vi atuar. É difícil falar com quem me pareço, porém alguns amigos já me falaram que eu lembro o Lúcio, o que é uma honra”, revelou.

Victor não é o único brasileiro do BG Pathum. Ídolo na Tailândia, o atacante Diogo, cujo sucesso é bastante reconhecido no país.

“Sim, ele é muito ídolo aqui por tudo que fez e os títulos que ganhou. Diogo tem uma cabeça boa e lida super bem com isso. Ele se cobra muito e é um competidor nato”, finalizou.