<
>

Fluminense: Fred se isola como 3º maior artilheiro brasileiro da história da Libertadores

Com o gol marcado na vitória do Fluminense sobre o Cerro Porteño, nesta terça-feira, o atacante Fred se isolou como maior artilheiro brasileiro da história da Conmebol Libertadores.

O matador chegou a 23 tentos em todos os tempos na competição sul-americana e ultrapassou Célio, que fez 22.

Agora, faltam apenas 2 para chegar em Palhinha, que anotou 25, e tomar a vice-liderança da lista.

Chegar ao topo, porém, será missão mais complicada para Fred.

O atacante do Flu terá que fazer mais 7 para passar os 29 de Luizão, que lidera o ranking de forma absoluta.

Após a partida, Fred viu classificação merecida do Tricolor, mesmo com a equipe não tendo feito uma boa partida nesta terça.

"A gente precisa aprender com os nossos erros e ver o que temos que melhorar. Mas se formos analisar os dois confrontos fomos muito superiores. A análise tem que ser em cima dos 180 minutos. Ganhamos de 3 a 0", opinou.

O veterano ainda lembrou os problemas do gramado do Maracanã.

"Aqui tentamos ser mais equilibrados e sólidos, também por conta do gramado, que está muito duro. Mas com certeza o Roger vai nos orientar de olho no futuro", finalizou.

Agora, o Fluminense vai ter o Barcelona de Guayaquil pela frente no torneio continental.

O duelo de ida pelas quartas de final da Libertadores será na quinta-feira da próxima semana, dia 12 de agosto, no Maracanã. O choque de volta com o Barcelona será na semana seguinte no Equador.

Mas antes disso, neste fim de semana, o Flu volta a campo pelo Campeonato Brasileiro. No domingo, às 16h (de Brasília), o Tricolor visita o América-MG na Arena Independência, em Belo Horizonte.