<
>

Cristiano Ronaldo só amplia drama e sofrimento contra a Alemanha com derrota em jogo alucinante

play
Cristiano Ronaldo, Shearer, Henry... veja os 10 maiores artilheiros da história da Eurocopa (0:55)

Primeiro da lista, CR7 vai a campo neste sábado contra a Alemanha, pela Eurocopa (0:55)

Cristiano Ronaldo é um monstro do futebol, um fulminador de recordes, um dos melhores de todos os tempos. Mas sofre e vive um drama incrível quando o recorte é em cima de seus agora cinco encontros pela seleção de Portugal contra a Alemanha.

Neste sábado (19), ele até ensaiou mudar um pouco do retrospecto, mas no fim acabou batido outra vez no jogo alucinante em que sua seleção tomou a virada e caiu por 4 a 2 para a rival pela segunda rodada do grupo F da Euro-2020, visto como o ‘da morte’.

E pensar que quando o atacante de 36 anos abriu o placar, aos 15 minutos do primeiro tempo, a história estava a seu favor. E por dois motivos.

Primeiro, porque Cristiano Ronaldo jamais havia feito um gol sequer na Alemanha em cinco confrontos, logo, quebrava ali um tabu; e segundo, porque ele nunca tinha perdido um duelo por Eurocopa ou Copa do Mundo após ter feito o primeiro tento da partida. Detalhe: a única derrota em jogo que marcou por estas duas competições tinha sido o 2 a 1 para a Grécia na abertura da disputa continental em 2004.

Registro histórico: este foi o 12º gol do atleta na Euro, o que o fez ampliar seu recorde como o maior artilheiro da competição – na rodada anterior, ao fazer dois nos 3 a 0 sobre a Hungria, o português deixou o francês Michel Platini (9 gols) para trás. Mais detalhes: São cinco com o pé direito, cinco de cabeça e agora dois com o pé esquerdo, ambos nesta edição.

De volta ao drama.

Com o deste sábado, são cinco duelos contra a Alemanha, e em todos eles Cristiano Ronaldo saiu derrotado.

É o único adversário, sendo clube ou seleção, que o português encarou ao menos três vezes na carreira e jamais pôde comemorar um mísero empate que fosse.

Veja, abaixo, um por um, cada ato de Cristiano Ronaldo contra a Alemanha

Ato 1
- 8 de julho de 2006
- Copa do Mundo
- Alemanha 3 x 1 Portugal
O jogo valia o terceiro lugar do Mundial após ambas seleções terem caído, claro, nas semifinais: os alemães, em casa, para a Itália, e os portugueses para a França. Cristiano Ronaldo foi titular e jogou inteiro o seu primeiro duelo contra os então tricampeões do mundo. Nuno Gomes fez o gol luso.

Ato 2
- 19 de junho de 2008
- Eurocopa
- Portugal 2 x 3 Alemanha
A partida foi pelas quartas de final, e o atacante novamente foi titular, ficou em campo o tempo todo e não balançou as redes no segundo encontro contra os alemães. Nuno Gomes e Hélder Postiga fizeram os gols portugueses.

Ato 3
- 9 de junho de 2012
- Eurocopa
- Alemanha 1 x 0 Portugal
Jogo de estreia das duas seleções, pelo grupo B. Cristiano Ronaldo de novo foi titular, esteve em campo durante toda a partida e foi até o capitão, mas saiu novamente sem marcar e sequer um empate no seu terceiro embate diante dos alemães.

Ato 4
- 16 de junho de 2014
- Copa do Mundo
- Alemanha 4 x 0 Portugal
Mais uma vez foi o duelo de estreia das duas seleções em uma disputa, agora na chave G e no Brasil, mais precisamente na Arena Fonte Nova, em Salvador, na Bahia. Cristiano Ronaldo repetiu o roteiro: titular, em campo durante todo o confronto, capitão... e derrotado. Um atropelamento agora, muito por conta da expulsão de Pepe antes dos 40 minutos da etapa inicial e com três gols de Thomas Müller (Mats Hummels fez o outro).

Ato 5
- 19 de junho de 2021
- Eurocopa
- Portugal 2 x 4 Alemanha
Pela segunda rodada do grupo G, considerado o ‘da morte’, Cristiano Ronaldo, outra vez capitão, titular e em campo todo o tempo, deu a entender que poderia derrubar a escrita ao, enfim, fazer seu primeiro gol contra a Alemanha. Em vão. Até deu uma assistência também, mas viu Portugal tomar a virada e saiu derrotado de novo.