<
>

Fluminense: Fred supera desconfiança pessoal para se firmar como artilheiro no ano

O início de Fred na temporada 2021 do Fluminense vem surpreendendo a muitas pessoas. Artilheiro da equipe na temporada e com gols decisivos e participando com assistências, como em jogos da Conmebol Libertadores e da Copa do Brasil.

Com 11 gols em 16 partidas disputadas, o camisa 9 tem seu sexto melhor início de temporada desde que voltou ao Brasil, em 2009, sendo seu quarto melhor princípio pelo Flu.

O início do ano ainda foi marcado pela quebra de duas marcas pessoais para o atleta. A primeira foi a de 400 gols na carreira, quebrada durante o Campeonato Carioca, enquanto a segunda foi de segundo maior artilheiro do Fluminense, contra o Santa Fé, na Libertadores.

Em entrevista recente ao canal do clube, Fred admitiu que, antes de voltar ao clube, teve que lidar com o próprio medo de que não iria corresponder ou atuar bem, mas que conseguiu superar pela força que os torcedores passaram.

“Confesso que eu mesmo não acreditava tanto em mim, e os torcedores confiaram em mim, me deram força. Eu vinha de um ano muito difícil, de seis meses treinando na roça sozinho. Sinceramente, eu tinha convicção de que não ia chegar nenhuma proposta para mim. E o Mário acreditou em mim”, disse.

“Quando eu cheguei, mesmo com todas as dificuldades, mesmo eu não acreditando e brigando com essa guerra mental, quando eu coloquei a camisa do Fluminense, eu senti a potência da nossa torcida e essa força. Então, eu não pensava isso, eu esperava, mas tinha muito medo na minha cabeça, que só foi quebrado com esse apoio”, completou.

Nesta quinta-feira (17), o atacante estará em campo pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, contra o Santos, para tentar marcar seu primeiro gol na edição do torneio. Em 2020, foram cinco gols marcados.