<
>

Relembre o 'derretimento' do Palmeiras na reta final do Brasileiro-2009 e compare com o São Paulo

No último sábado, o São Paulo só empatou por 1 a 1 com o Coritiba, no Morumbi, e ampliou sua série ruim no Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Tricolor chegou a cinco jogos seguidos sem vencer no torneio - não houve um triunfo sequer desde o início de 2021.

A série foi responsável por tirar a equipe da liderança da Série A, e pode fazer o clube cair para o 3º lugar neste domingo, caso o Flamengo vença o Athletico-PR.

Curiosamente, o momento são-paulino lembra muito o que ocorreu com o Palmeiras no Brasileirão de 2009.

Naquele ano, o Verdão de Marcos, Diego Souza, Cleiton Xavier e Vagner Love foi líder por 17 rodadas, dando a impressão de que encerraria sua fila de títulos nacionais.

O Alviverde era apontado como grande favorito, ainda mais depois que contratou o técnico Muricy Ramalho, considerado um especialista no Brasileiro (havia sido tricampeão em 2006, 2007 e 2008).

No entanto, uma tenebrosa série de resultados ruins, que começou na 28ª rodada, fez com que o Palmeiras perdesse a liderança na 33ª, sem conseguir retomar depois.

Entre os placares desfavoráveis, destaques para derrotas para os rebaixados Náutico e Santo André, além de um empate em casa com o Sport, que também caiu.

No fim das contas, o Flamengo terminou campeão, enquanto o time de Muricy desandou de vez e não conseguiu nem terminar no G-4, ficando fora da Libertadores do ano seguinte.

Relembre a série do Palmeiras:

28ª - Palmeiras 2 x 2 Avaí
29ª - Náutico 3 x 0 Palmeiras
30ª - Palmeiras 0 x 2 Flamengo
31ª - Santo André 2 x 0 Palmeiras
32ª - Palmeiras 4 x 0 Goiás
33ª - Palmeiras 2 x 2 Corinthians
34ª - Fluminense 1 x 0 Palmeiras (perdeu a liderança)
35ª - Palmeiras 2 x 2 Sport
36ª - Grêmio 2 x 0 Palmeiras
37ª - Palmeiras 3 x 1 Atlético-MG
38ª - Botafogo 2 x 1 Palmeiras

Agora veja a série atual do São Paulo:

28ª - Red Bull Bragantino 4 x 2 São Paulo
29ª - São Paulo 0 x 1 Santos
30ª - Athletico-PR 1 x 1 São Paulo
31ª - São Paulo 1 x 5 Internacional (perdeu a liderança)
32ª - São Paulo 1 x 1 Coritiba

Vale lembrar que ainda há alguma similaridades entre as duas má fases.

Em 2009, após o revés para o Grêmio, o Palmeiras viu seu vestiário se destruir de vez com a briga entre o atacante Obina e o zagueiro Maurício Nascimento, no campo do estádio Olímpico.

O São Paulo, por sua vez, viu o goleiro Tiago Volpi discutir de forma forte com o lateral-esquerdo Reinaldo no último sábado, logo após o apito final contra o Coritiba.

Novamente em 2009, o elenco do Verdão viu seu ônibus sofrer uma emboscada e ser apedrejado antes do jogo contra o Atlético-MG, pela 37ª rodada.

Na ocasião, o plantel estava em um retiro na cidade de Itu, no interior paulista, e sofreu com a ira da torcida na rodovia Castelo Branco, logo quando regressava à capital.

Do lado são-paulino, o ônibus levou pedradas e rojões no sábado, pouco antes de chegar ao Morumbi para o duelo contra o Coxa.