<
>

Protesto Flamengo: torcedores gritam 'time sem vergonha', 'fora Ceni' e querem novo técnico como 'solução caseira'

E a crise aumentou no Flamengo após a derrota por 2 a 0 para o Ceará, no último domingo, pelo Brasileirão. Um protesto acontece na porta do Ninho do Urubu, nesta terça-feira (12), data da reapresentação rubro-negra.

Dezenas de torcedores foram até o CT do clube cobrar os atletas, que encontraram dificuldades com os carros na entrada principal do local. Alguns ovos foram atirados nos veículos.

Os torcedores querem entrar no Ninho para uma conversa com os atletas. Por conta dos últimos resultados do Flamengo, os rubro-negros gritaram 'time sem vergonha' a cada carro que chegava no CT, além de outros xingamentos.

Rogério Ceni está muito pressionado, mas a diretoria decidiu manter o treinador no cargo. Em uma faixa, os torcedores pediam Mauricio Souza, técnico do time sub-20, para o profissional com o argumento de 'solução caseira' para o lugar do ex-goleiro.

Para evitar um descontrole, o policiamento foi reforçado no local. Viaturas da Polícia Militar estão paradas na porta do Ninho.

De acordo com informações do repórter Pedro Henrique Torre, dos canais ESPN, o treino foi marcado às 15h, mas atrasou em mais de uma hora. O presidente Rodolfo Landim está no CT. Existe a expectativa de que aconteça uma conversa com o grupo. Rogério Ceni também está no local.

O próximo desafio será contra o Goiás, na próxima segunda-feira, fora de casa. Atualmente com 49 pontos, o Flamengo na quarta posição e vê o São Paulo ocupar a ponta com sete pontos à frente. Os cariocas, no entanto, estão com um jogo a menos na tabela.