<
>

Pelé presta homenagem a Maradona: 'Um dia, eu espero que possamos jogar bola juntos no céu'

Pouco após confirmada a morte de Diego Armando Maradona aos 60 anos de idade, nesta quarta-feira, Pelé usou suas redes sociais para lamentar e prestar uma homenagem ao argentino.

"Que notícia triste. Eu perdi um grande amigo e o mundo perdeu uma lenda. Ainda há muito a ser dito, mas por agora, que Deus dê força para os familiares. Um dia, eu espero que possamos jogar bola juntos no céu", escreveu o brasileiro em seu perfil oficial no Instagram junto a uma imagem de Maradona erguendo a taça da Copa do Mundo, após a conquista de 1986.

O craque não resistiu a uma parada cardiorrespiratória sofrida na casa da filha dele, no bairro Vila Nova, zona metropolitana de Buenos Aires, neste 25 de novembro. Várias ambulâncias foram ao local para tentar reanimá-lo, mas não foi possível.

Ele foi internado no começo deste mês após passar mal durante um jogo do Gimnasia. Na chegada ao hospital, Diego precisou passar por uma cirurgia de emergência para aliviar uma pressão intracraniana e permaneceu lá até receber alta em 11 de novembro.