<
>

Ronaldo fica perto de quebrar marca de 86 anos na Juventus e se tornar maior artilheiro em uma Serie A

No último sábado, Cristiano Ronaldo fez os dois gols da Juventus no empate por 2 a 2 com a Atalanta, pelo Campeonato Italiano.

Com os tentos, o português chegou a 28 na atual edição da Serie A, sendo o vice-artilheiro do certame, atrás só de Ciro Immobile, da Lazio, que tem um gol a mais.

Restando seis jogos para a "Velha Senhora", o craque tem chance real de bater uma marca que já dura 86 anos no time de Turim.

Até hoje, o jogador da Juve que mais fez gols em uma mesma edição de Serie A foi o lendário Felice Borel, na longíqua temporada 1933/34.

Desde então, ninguém nunca conseguir sequer igualar a marca do ex-centroavante da seleção italiana.

Quem chegou mais perto foi John Hansen, outro ídolo histórico da equipe alvinegra, em 1951/52. Na ocasião, ele anotou 30 gols.

Cristiano, portanto, precisa de mais quatro bolas na rede para igualar Borel, e cinco para ser recordista de forma isolada.

Vale citar, porém, que Borel alcançou suas marcas espetacular com menos jogos do que Ronaldo tem chance de disputar, já que a temporada 1933/34, contou com 18 times e 34 partidas.

Hansen, por sua vez, jogou em "condições de igualdade" com o luso, já que a Serie A de 1951/52 contou com 20 times e 38 duelos, assim como hoje.

Desde que foi contratado pela Juventus, na temporada 2018/19, CR7 soma 60 gols em 83 partidas.

Se forem levados em conta só jogos do Italiano, ele computa 59 tentos em 69 ocasiões.