<
>

Thiago Neves chega a acordo parcial com Cruzeiro e está livre para atuar por outro clube

play
Campeonato Mineiro de volta: mudança de fórmula, 'lupa' no Atlético-MG de Dudamel e Cruzeiro sem pressão (1:52)

Leonardo Bertozzi analisa o estadual que se inicia nesta terça-feira com o time alvinegro visitando o Uberlândia (1:52)

Nesta terça-feira (21) uma audiência de conciliação realizada na 4ª Vara do Trabalho de Minas Gerais fez com que Thiago Neves e Cruzeiro chegassem a um acordo parcial sobre o imbróglio judicial entre as partes, que acontece desde dezembro quando o meia acionou o clube na Justiça. O camisa 10 cobra R$ 16 milhões de salários atrasados e referentes a rescisão indireta do contrato.

Após uma audiência de mais de duas horas de duração, ficou estabelecido que o jogador está livre para atuar em outro clube, mas a ação segue correndo na Justiça. Em entrevista rápida na saída do tribunal, Thiago Neves falou sobre a situação.

"A audiência de hoje foi boa. Cruzeiro me entendeu, eu entendi o Cruzeiro também. O importante está chegando aí. Abriram mão os dois lados. Estou livre para assinar com outro clube e seguir minha vida. Óbvio que vou continuar torcendo pelo Cruzeiro, mas tinha que pegar minha liberação para seguir meu rumo", disse.

Na audiência, Thiago esteve representado pelo advogado Leandro Silva Teixeira e seu empresário, Leandro Lima. O superintendente jurídico do clube, Kris Brettas, e o supervisor administrativo Benecy Queiroz representaram o Cruzeiro. Ninguém da Raposa concedeu entrevistas.