<
>

Inter de Milão: Conte não nega 'arranca-rabo' entre Lukaku e croata e reclama: 'Aqui tem muita fofoca'

O tropeço logo na estreia na Champions League, com empate em 1 a 1 com o Slavia Praga, deixou marcas nos vestiários da Inter de Milão. Tudo por um desentendimento entre o atacante Romelu Lukaku e o meia Marcelo Brozovic, revelado pelo jornal italiano Gazzetta dello Sport.

Segundo a publicação, o atacante, grande contratação do clube para a temporada, custando quase R$ 350 milhões, cobrou os companheiros após a igualdade, mas o colega não aceitou bem.

A reportagem ressalta que, segundo as fontes ouvidas, a intenção de Lukaku era cobrar o grupo como um todo, mas Brozovic entendeu como críticas pessoal e partiu para cima do belga.

Os dois não chegaram às vias de fato graças aos companheiros, que os separaram e evitaram que o atacante e o meia, de fato, saíssem no braço.

Questionado sobre o tema nesta sexta-feira, durante sua coletiva de imprensa, o técnico da Inter, Antonio Conte, não negou que o "arranca rabo" tenha acontecido, e ainda reclamou dos constantes vazamentos de notícias internas da equipe nerazzurra.

"No geral, creio que na Inter sempre teve muita fofoca, tanto nos jornais quanto na TV. Já me disseram: 'Nos últimos anos vazaram muitas coisas, temos que aceitar, é normal'. Mas em outros clubes, são mais enfáticos em gerir essas coisas e proteger (o vestiário). Nesta questão, temos que melhorar muito. Temos muito espaço para crescimento, tanto dentro quanto fora de campo. Temos que ser enérgicos e preencher essas lacunas", afirmou.

Conte também disse que "não está sendo fácil" comandar a Inter, mas ressaltou que já sabia que sua missão seria difícil.

"(O ex-treinador Giovanni) Trapattoni sempre dizia que treinar a Inter era como entrar num liquidificador. O que o mestre disse eu não irei contradizer. Seguramente, dirigir a Inter não é simples. Temos que procurar extirpar alguns hábitos ruins. Temos que ser mais impermeáveis, buscar crescer e ficar mais fortes. Não se vence apenas no campo, se vence também fora dele. Isso deve ficar muito claro. Temos que mudar os giros do motor", finalizou.

Depois do empate em casa com o Slavia Praga, a Inter volta a campo pelo Campeonato Italiano no próximo sábado, em clássico contra o Milan.

Na Champions, o próximo adversário será o Barcelona, que também estreou com o empate no grupo, na Alemanha, contra o Borussia Dortmund.